sábado, 7 de janeiro de 2017

Papa: levar às comunidades cristãs uma nova cultura vocacional

O Papa Francisco recebeu, nesta quinta-feira (05/01), na Sala Paulo VI, no Vaticano, cerca de oitocentos participantes do encontro nacional promovido pela Pastoral Vocacional da Conferência Episcopal Italiana (CEI) sobre o tema “Levanta-te, vá e não tenhas medo”.

O Pontífice entregou o discurso preparado e falou espontaneamente, convidando os jovens a não terem medo de se levantar e aceitar o convite de Jesus que diz: Segui-me.

Francisco convidou os sacerdotes, consagrados e religiosas a abrirem as portas de seus institutos aos jovens. “As portas se abrem com a oração, a boa vontade e o risco. Arriscar-se com os jovens”, disse o Santo Padre.

“Jesus nos disse que o primeiro método para obter vocações é a oração, e nem todos são convencidos disso. Rezar pelas vocações. Com as portas fechadas ninguém pode entrar para encontrar o Senhor. É preciso abrir as portas para que eles possam entrar nas igrejas. Os bispos devem procurar uma maneira de acompanhar a oração da comunidade”, sublinhou Francisco.

Próximas JMJs terão temas com foco em Maria

jmj
Vaticano divulgou hoje tema das edições do evento nos próximos três anos, rumo à JMJ 2019, no Panamá
O Vaticano anunciou nesta terça-feira, 22, os temas das próximas Jornadas Mundias da Juventude que serão realizadas em 2017, 2018 e 2019. Esta última será a edição internacional do evento, no Panamá. Os temas escolhidos pelo Papa Francisco trazem como foco a figura de Maria.
“Grandes coisas fez por mim o Onipotente (Lc 1, 49) será o tema para 2017 (32ª JMJ, âmbito diocesano); “Não temas, Maria, pois encontraste graça diante de Deus (Lc 1, 30) será o tema para 2018 (33ª JMJ, âmbito diocesano) e “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc 1, 38) será o tema para a edição internacional em 2019, no Panamá (34ª JMJ).
Em comunicado emitido hoje, o órgão Vaticano para os Leigos, a Família e a Vida, responsável pela organização da Jornada, explica que o caminho espiritual indicado pelo Santo Padre prossegue com coerência a reflexão das últimas três JMJs (2014 a 2016), centradas nas Bem Aventuranças.

Mark Zuckerberg, CEO do Facebook confessou que já não é mais ateu.

mark_zuckerbergO criador do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou que não é mais ateu, mas de fato vê a religião como “muito importante”.

No dia 25 de dezembro de 2016, Zuckerberg postou uma mensagem “Feliz Natal e Feliz Hanukkah” de sua família aos seus seguidores no Facebook, e nos comentários respondeu a uma pergunta sobre suas crenças pessoais.

Depois que ele postou o comentário, um usuário perguntou: “Mas você não é ateu?” Em resposta, o bilionário de 32 anos respondeu: “Não. Eu fui criado judeu e depois passei por um período em que questionei as coisas, mas agora acredito que a religião é muito importante“.
Quando outro usuário perguntou: “Mas por que o Facebook não notifica que é o aniversário de Jesus hoje ???” Zuckerberg brincou: “Você não é amigo de Jesus no Facebook?“, adicionando um emoji sorrindo com uma auréola.
Desde aquele dia, a resposta de Zuckerberg ao comentário ganhou milhares de likes.

Mais antigo exemplar da Bíblia ilustrada está na Etiópia

Mais antigo exemplar da Bíblia ilustrada está na EtiópiaMais antigo exemplar da Bíblia está na Etiópia
A cópia mais antiga ilustrada da Bíblia é conhecida como os “Evangelhos de Garima”. Há séculos eles estão guardados em um monastério remoto no norte da Etiópia. Eles receberam esse nome por que, segundo a tradição, foram copiados manualmente pelo monge Abade Garima.
Segundo especialistas britânicos, o manuscrito por muito tempo foi tratado como uma relíquia do século XI. Contudo, exames mais precisos e mais rigorosos pelo método do carbono 14 indicam que sua origem está entre os anos 330 e 650.
Relatos históricos dão conta que Garima chegou à Etiópia no ano 494, vindo de Constantinopla, atual Istambul. Ele teria copiado os Evangelhos sobre peles de cabra em apenas alguns dias. O registro foi em língua semítica, comum em parte da Etiópia desde o século III, mas que desapareceu como língua falada no século XIV. Como língua literária, sobrevive até hoje.

Como se comportar na Santa Missa

Como se comportar na Santa MissaPediram-me uma catequese sobre como se comportar na Santa Missa. Vamos lá:

1. Após o comentário inicial (tomara que não seja uma palestra), fique de pé, atento ao Mistério que será celebrado.


2. No Ato Penitencial, de pé, incline a cabeça e peça perdão pelos pecados veniais (porque os mortais só na confissão auricular).

3. Após o Glória (se houver), sente-se para ouvir as leituras. Faça um profundo silêncio e deixe-se guiar pela voz do Senhor: “Ouve, Israel”. Evite fazer barulho com o folheto da Missa (e não precisa aplaudir as leituras).

4. No canto de aclamação ao Evangelho, fique de pé, na direção do ambão. Após a proclamação, torne a se sentar e ouça com atenção a homilia. Se o seu bebê chorar, saia com ele para dar uma volta ao redor da Igreja. Bebês são lindos, mas na hora da homilia o choro não convém. O padre pode não se incomodar, mas o irmão do banco de trás não vai ouvir a reflexão.

5. No credo, fique de pé e diga, em voz audível, o Credo. Depois das preces, volte a sentar e só levante quando o padre disser: orai irmãos… (se tiver ofertas, coloque a sua discretamente no cestinho. Não precisa mostrar a todos que é 2,00 reais porque não é muita coisa).

Documentário brasileiro retrata a vida de Santa Teresinha do Menino Jesus

Documentário brasileiro retrata a vida de Santa Teresinha do Menino Jesus
Os públicos de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte já puderam assistir ao documentário “Teresinha”, do diretor brasileiro Victor Ribeiro .



De acordo com a sinopse, “Teresinha”, interpretada por Gabriela Cerqueira, retrata a história de Thérèse de Lisieux, conhecida popularmente no Brasil como Santa Teresinha do Menino Jesus – uma freira carmelita descalça que passa seus últimos dezoito meses de vida mergulhada na chamada “noite escura da alma”. Sua trajetória na terra é contada nos seus manuscritos autobiográficos, onde se encontra uma radiografia do dilema do homem moderno: o conflito entre a razão e a fé. O documentário apresenta a dimensão humana dessa jovem santa, que, no final do século XIX, vivenciou as questões e contradições que marcariam a pós-modernidade.

Por enquanto, o filme está em cartaz no na Estação Laura Alvim, no Rio de Janeiro.

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Aborto no Brasil: não é uma questão religiosa, mas política e jurídica

Aborto no Brasil: não é uma questão religiosa, mas política e jurídica
Não é de hoje que a infamante tentativa de legalização do aborto espreita de maneira detestável a ordem pública.  E se a sua horrenda prática é repugnante quando defendida por uma militância que não sabe como anda e respira ao mesmo tempo, o que dizer quando a tentativa de legitimá-la parte de autoridades que, por dever de ofício, deveriam garantir a estabilidade e segurança social, com três agravantes: o fazem ao arrepio da lei, de forma sorrateira e num dia em que a nação inteira foi abatida pela notícia de um trágico acidente aéreo?

Afinal, o que esperar de um país que promove a morte de inocentes?

A resposta não é tão simples e, por mais louvável que seja observar e concluir que a sociedade, hoje, em muitos aspectos, se assemelha a determinados contextos da história do povo de Israel, é urgente compreender como a legalização do aborto ameaça, gravemente, o futuro de todos nós e, por isso, é tão necessário combatê-la.

O discurso definitivamente não é religioso, mas, antes de tudo, político e jurídico.

Não é recente a realização de seminários que tratam de estratégias para a descriminalização do aborto no Brasil, importando destacar que as organizações não governamentais, que defendem a sua legitimação, são financiadas por indústrias interessadas em que cada vez mais mulheres adiram à prática.

As previsões da Bíblia para 2017

As previsões da Bíblia para 2017No começo de todo novo ano, acontece sempre a mesma coisa: na televisão, nos jornais, no rádio, somos literalmente inundados pelas previsões de astrólogos e adivinhos. Mas, dado que a única verdadeira profecia está contida na Bíblia, decidimos lhes apresentar as previsões da Sagrada Escritura para este novo ano.

Se você nasceu entre o dia 1º de janeiro e o dia 31 de dezembro, então está sob a influência da “graça de Deus, portadora de salvação para todos os homens” (Tito 2, 11).

Fortuna: A estrela da manhã é Jesus Cristo, já que, “graças à bondade misericordiosa do nosso Deus (…), seremos visitados pelo sol que nasce do alto” (Lucas 1,78).

Amor: Sua felicidade reside em ser amado por Deus e em amá-lo em troca, pois “nem o presente, nem o futuro, nem as potestades, nem as alturas, nem os abismos, nem outra qualquer criatura nos poderá apartar do amor que Deus nos testemunha em Cristo Jesus, nosso Senhor” (Romanos 8,39).

Férias: “O Senhor guardará os teus passos, agora e para todo o sempre” (Salmo 120,8).

DEUS É FIEL

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VISITANTE N°