VEJA NOSSOS ÁLBUNS DE FOTOS NO NOSSO FACEBOOK: facebook.com/gruporenascercamocim

terça-feira, 6 de setembro de 2016

A gratidão a Deus na Bíblia

15.09
Setembro é, na pastoral da Igreja do Brasil, o mês dedicado ao estudo e aprofundamento da Palavra de Deus, isto é, da Bíblia sagrada. Por ser a Palavra revelada de Deus, nosso respeito e nossa admiração pela Bíblia cresce com o estudo aprofundado de suas divinas mensagens.

Quem se der ao trabalho de percorrer as narrativas evangélicas, as epístolas de São Paulo e de São Pedro ou levantar o véu que encobre, nas descrições apocalípticas do Vidente de Patmos, a riqueza da liturgia celeste, pode verificar que o tema eucarístico, isto é, de ação de graças é um dos mais repetidos nas letras sagradas.

Abrindo, por exemplo, o Evangelho de Lucas, nas primeiras páginas já se encontram quatro cantos de ação de graças: o cântico de Maria ao engrandecer o Senhor, que olhou para a sua pequenês; o cântico de Zacarias, bendizendo o Deus de Israel; o cântico dos anjos que povoaram os céus na noite de Natal; o cântico, ungido de comoção do velho Simeão, cujos olhos caliginosos puderam contemplar o rosto daquela Criança de luz.

O vocabulário, que Lucas usa, é rico: Maria engrandece; Zacarias bendiz; os anjos cantam; os pastores glorificam e louvam. Os motivos, que o Evangelista apresenta, são incontáveis: a santidade de Deus; a misericórdia, a paz e a alegria; a força do braço divino; a fidelidade de Yaweh; a salvação de Israel.


O cristianismo não é uma elegia fúnebre, mas é alegria e paz, é luz e esperança, é gratidão, mesmo quando o mistério da morte parece obnubilar as claridades da vida. Leia-se o prólogo lírico e cantante da carta de São Paulo aos Efésios: “Bendito Deus – Pai de N. S. J. Cristo que nos abençoou (…) para sermos seus filhos adotivos e assim nos tornássemos o louvor da sua glória”. Leia-se ainda nas “Odes”, ditas de Salomão: “Como a mão desliza sobre a cítara (…) nossas almas cantam o Espírito do Senhor”.

Vale a pena dedicar-nos à leitura e ao estudo da Bíblia para instruir-nos, para cantar os louvores de Deus e para saciar-nos com a beleza de seus salmos e de seus cânticos. Mês da Bíblia: mês de gratidão.

Dom Benedicto de Ulhoa Vieira



Formação: Setembro/2007

Nenhum comentário: