VEJA NOSSOS ÁLBUNS DE FOTOS NO NOSSO FACEBOOK: facebook.com/gruporenascercamocim

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Como a Itália está respondendo a imposição da Ideologia de gênero nas escolas? Indo alem do não!


download
Contra a tentativa de impor a ideologia de gênero nas escolas italianas, centenas de milhares de pessoas saíram às ruas gritando “Defendamos nossos filhos” na histórica manifestação de 20 de junho, em Roma. A ação cidadã penetrou nos corredores dos prédios institucionais e teve os primeiros efeitos práticos. Como resposta à ideologia de gênero, já se espalham por toda a Itália cursos de educação da afetividade e da sexualidade com abordagens, métodos e conteúdos bem diferentes dos propostos pelos defensores daquela ideologia.
Uma realidade que destaca as “boas práticas educativas” é Il Filo e la Rete, “que surgiu há um ano dentro das seções locais do Fórum das Associações Familiares, intérpretes do desconforto de muitos pais que tiveram de lidar com cursos impregnados pela ideologia de gênero nas escolas”, disse à ZENIT Lodovica Carli, ginecologista e presidente do Fórum de Associações Familiares da Apúlia, região do sul da Itália.
Coordenadora da iniciativa Il Filo e la Rete, Carli explica: “Faz um ano, estavam se formando as primeiras comissões para oferecer alternativas à ideologia de gênero. Nós entramos em contato com eles para conceber em conjunto os instrumentos jurídicos necessários para que os pais pudessem fazer valer o seu direito e dever de educar os filhos opondo-se à interferência da ideologia de gênero”.

A peculiaridade de Il Filo e la Rete é “ir além do ‘não’ à teoria de gênero, destacando para os estudantes a beleza e a bondade da diferença sexual”. No mais, “as famílias, associações e muitos professores que enfrentavam esta situação procuraram uma proposta que ajudasse os alunos a refletirem sobre essas questões de diferentes pontos de vista”. Os fóruns locais ajudaram a “aumentar o conhecimento, valorizar e unir as boas práticas educacionais já existentes, de modo que todos os interessados pudessem tirar partido destas experiências”.
Na Apúlia, os resultados da pesquisa Eros, realizada em 100 escolas da região pela professora de sociologia Angela Mongelli, da Universidade de Bari, salientaram “a discrepância entre as necessidades educativas dos alunos e a oferta educativa dos adultos”, observa Carli, que aprofunda: “Prevalecia um modelo informativo que excluía a interação com os alunos, obrigados a ouvir especialistas que trabalhavam os temas em questão. Essa abordagem resultava em uma alta taxa de abortos entre as menores de idade da Apúlia, uma taxa que era a maior de todo o Centro-Sul da Itália, além de gerar uma explosão do uso da pílula do dia seguinte”.
Daí a ideia de criar o projeto La Luna nel Pozzo, voltado a mudar a forma e o conteúdo das práticas até então em voga. “Interagindo com os alunos, através das suas próprias experiências, tentamos sugerir respostas para as questões de significado que havia no seu coração”. Essas respostas traduzem uma necessidade que não corresponde a uma abordagem superficial e desregrada do sexo. “Temos visto que esse trabalho ajuda os jovens a redescobrir o verdadeiro significado de certos gestos”, trazendo à tona o seu genuíno desejo de subordinar a sexualidade à afetividade e não o contrário.
O projeto também envolve pais e professores. Os pais são encorajados a recuperar a competência educacional que, especialmente em questões sensíveis, “eles muitas vezes querem delegar ao especialista de plantão”.
A presidente do Fórum das Associações Familiares também fala da circular do Ministério da Educação da Itália, enviada às escolas para pedir que elas não iniciem quaisquer atividades extracurriculares sem o consentimento dos pais dos alunos. Este gesto “reiterou a importância dos pais e da sua presença educativa”, diz Carli, para quem “a necessidade real é que, finalmente, os pais retomem o gosto e o desejo de educar os seus filhos”. E as associações de famílias “existem também para apoiar este compromisso”, completa ela.
Zenit

Nenhum comentário:

DEUS É FIEL

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VISITANTE N°