VEJA NOSSOS ÁLBUNS DE FOTOS NO NOSSO FACEBOOK: facebook.com/gruporenascercamocim

sábado, 4 de outubro de 2014

Outubro mês do Rosário

Outubro, o mês das Missões, é o mês em que somos convidados a refletir sobre a atualidade do Santo Rosário em nossa vida cristã. Por isso mesmo, neste mês devemos reforçar a nossa devoção mariana empreendendo a Oração do Rosário em família, em grupos de orações, nos setores pastorais, nas comunidades e nas paróquias. Essa devoção contemplativa faz-nos meditar sobre os mistérios de nossa redenção. É uma oportunidade de chegar às pessoas em todos os lugares e começar ali um grupo católico, embrião de uma futura pequena comunidade.

Neste tempo em que tanto falamos de Paróquia como comunidade de comunidades, uma das formas de iniciarmos uma comunidade é através da oração. É claro que os grupos de reflexão, círculos bíblicos e outros tipos de reuniões e celebrações também formam as futuras comunidades, que farão parte da paróquia presente em todo o seu território. São oportunidades que nos ajudam a viver o trabalho pastoral.

Mas a Oração do Rosário também precede as celebrações eucarísticas, acompanha-nos nas viagens, nos tempos de reflexão, andando pelos caminhos, nos momentos de alegria ou aflição, fazendo-nos próximos do Senhor que nos conduz e ilumina nossas vidas.

Eleições 2014, vote certo, vote bem!

RECOMENDAÇÕES PARA OS ELEITORES NAS ELEIÇÕES DE OUTUBRO DE 2014:

1. Votar é um exercício importante de cidadania; por isso, não deixe de participar das eleições. Seu voto contribui para definir a vida política de nosso país.

2. Verifique se os candidatos estão comprometidos com a superação da pobreza, com a educação, saúde, moradia, saneamento básico, respeito à vida e ao meio ambiente.

3. Veja se seus candidatos estão comprometidos com a justiça, segurança, combate à violência, dignidade da pessoa, respeito pleno pela vida humana desde a sua concepção até a morte natural.

4. Observe se os candidatos representam o interesse apenas de seu grupo ou partido e se pretendem promover políticas que beneficiam a todos. O bom governante governa para todos.

5. Dê o seu voto apenas a candidatos com “ficha limpa”. O homem público deve ter honestidade (idoneidade moral).

6. Fique atento à prática de corrupção eleitoral, ao abuso de poder econômico, à compra de votos. Voto não é mercadoria.

7. Procure conhecer os candidatos, sua conduta, suas ideias e seus partidos. Voto não é troca de favores.

8. Vote em candidatos que respeitem a liberdade religiosa e de consciência, garantindo o ensino religioso confessional e plural.

9. Escolha candidatos que promovam e defendam a família, segundo sua identidade natural conforme o plano de Deus.

10. Acompanhe os políticos depois das eleições, para cobrar deles o cumprimento das promessas de campanha e apoiar suas ações políticas e administrativas.

“É muito difícil que um corrupto consiga voltar atrás.” (Papa Francisco, Homilia aos Parlamentares Italianos, em 27 de março de 2014)

“Rezo ao Senhor para que nos conceda mais políticos que levem verdadeiramente a sério a sociedade, o povo, a vida dos pobres.” (A Alegria do Evangelho, n. 205)
sources: CNBB

Papa: razões religiosas não justificam perseguição em Iraque e Síria

O Papa Francisco criticou nesta quinta-feira os jihadistas de Iraque e Síria, afirmando, sem citá-los, que nenhuma razão religiosa, política ou econômica justifica a perseguição diária sofrida por "centenas de milhares de homens, mulheres e crianças inocentes" naqueles dois países.

Segundo um comunicado da Santa Sé, o sumo pontífice assistiu à abertura de uma reunião de três dias com embaixadores do Vaticano em todo o Oriente Médio. O objetivo é examinar a situação criada com o avanço do grupo Estado Islâmico (EI) e os ataques aéreos da coalizão internacional contra ele.

Em uma declaração ante Mar Dinkha IV, patriarca da Igreja Assíria do Oriente, o Santo Padre denunciou a perseguição diária sofrida por iraquianos e sírios.

SÃO BENEDITO: Bando sequestra padre Lusmar e leva carro da Diocese



Foto: Divulgação

Após celebrar missa durante os festejos da padroeira do município de São Benedito, na noite dessa sexta-feira 03, o Padre Lusmar Sousa Fontenele 38, foi rendido por dois homens desconhecidos, ao chegar na casa paroquial, e levado juntamente com a Hilux branca de placas OSO 6568, da Diocese de Tianguá.


Após percorrerem cerca de 120 km até chegarem em Sobral, a dupla se encontrou com o restante do grupo numa estrada carroçável, precisamente no loteamento "mãe rainha", caminho da localidade das "marrecas". Lá, eles abandonaram o padre Lusmar, que logo pediu ajuda ao vigilante do loteamento. O CIOPS foi acionado e as viaturas 1202 e 1201 do Ronda do Quarteirão, com o sargento Fonteles, soldados Alberto, Ximenes, Dourado, Viana e o cabo Erivelton atenderam a ocorrência, mais até às 06h00 desse sábado 04, nenhuma pista dos acusados foi encontrada.


A polícia acredita que o veículo será utilizado em outras ações criminosas nos próximos dias, policiais da região foram avisados do veículo roubado e buscam interceptar o bando. O pároco conta que um dos criminosos que o abordou estava nervoso e só se acalmou ao tomar conhecimento que a vítima era o pároco daquele município. A dupla se comunicava com o restante do grupo, durante todo o percurso através de um celular e estavam vestindo roupas de marca.

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Por que confessar-se com o padre?

Papa FranciscoJesus confiou o ministério da remissão dos pecados aos seus discípulos. Antes da Paixão, prometeu a Pedro e aos outros apóstolos o poder de ligar e desligar na terra no céu, (Mt 16,19). Depois da ressureição, confiou aos onze à faculdade de perdoar ou de reter os pecados (Jo 20, 21-23).


Com o poder das chaves, entregou aos seus ministros a incumbência de ouvir a confissão sacramental dos pecados, habilitando-os, ao mesmo tempo, a absolver ou repreender em seu nome. A confissão aos sacerdotes é atestada por  documentos da Igreja já na antiga literatura cristã.


Além disso, deve-se considerar que o pecado não é somente um ato que atinge a Deus e ao pecador; tem profundas consequências para as outras pessoas e para a comunidade dos irmãos.  Compreende-se, então, que a remissão concedida por Deus passe pelos ministros da Igreja, enquanto representantes da comunidade eclesial e do próprio Deus.

Santa Sé aprova Missa votiva do Santo Cálice


Santa Sé aprova Missa votiva do Santo CáliceUma grande surpresa tinha Dom Carlos Osoro, Arcebispo eleito de Madri, durante a Missa que presidiu no último domingo na Catedral de Valência em ação de graças e despedida como Arcebispo da cidade espanhola. O prelado anunciou que a Santa Sé aprovou que Valência pode ter uma Missa votiva e um Ano Santo Jubilar a cada cinco anos para comemorar o Santo Cálice que, segundo a tradição, utilizou Jesus na Última Ceia e é venerado no templo valenciano.

O documento assinado pelo Cardeal Mauro Piacenza, Penitenciário Maior da Penitenciaria Apostólica da Santa Sé, assinala que a Penitenciaría “responderá positivamente à solicitação de indulgência”, que “poderá cursar-se de forma oficial”, para que assim a Arquidiocese valenciana possa celebrar a cada cinco anos o Ano Jubilar. A data deste primeiro jubileu deverá ser determinada pelo Arcebispo eleito de Valência, o Cardeal Antonio Cañizares, que no próximo sábado, 04 de outubro tomará posse da Arquidiocese.

Bispos brasileiros pedem aos católicos que busquem eleger candidatos que promovam os valores cristãos


Bispos brasileiros pedem aos católicos que busquem eleger candidatos que promovam os valores cristãosOs brasileiros terão, neste domingo, dia 5, a responsabilidade de escolher um dos candidatos que vai ocupar a presidência da República pelos próximos quatro anos. Para auxiliar os cristãos nessa tarefa, a Igreja propõe alguns princípios que devem nortear essa escolha que também vai definir os próximos governadores, senadores, deputados federais e estaduais. Com o intuito de reforçar a importância da consciência na escolha bispos brasileiros e a Conferência Episcopal brasileira em peso pedem que os católicos votem nos candidatos que apresentam uma proposta que contenha os valores cristãs, morais e éticos, e não apenas promessas de mudança.


Segundo o bispo auxiliar de Brasília e secretário geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Leonardo Steiner, os cristãos são insistentemente convidados a participar da política, por meio das discussões, do voto e da fiscalização.

terça-feira, 30 de setembro de 2014

30 de setembro: Dia da Bíblia


Biblia_banner
Celebra-se a 30 de setembro o Dia da Bíblia. A data foi escolhida por ser festa litúrgica de São Jerônimo, o Padroeiro dos biblistas. Jerônimo, cujo nome exato é Eusebius Sophronius Hieronymus, nasceu em Strídon,possivelmente no ano de  347 e faleceu em Belém, a 30 de setembro de419 ou 420. Sua maior obra foi fazer a primeira tradução da Bíblia, dogrego e do hebraico, para o latim, tradução esta conhecida como ‘vulgata’ que serve para a Bíblia Católica e para a Protestante.
Sobre Jerônimo, um dos maiores doutores da Igreja, disse o Papa Bento XVI: “a preparação literária e a ampla erudição permitiram que Jerônimo fizesse a revisão e a tradução de muitos textos bíblicos: um precioso trabalho para a Igreja latina e para a cultura ocidental. Com base nos textos originais em grego e em hebraico e graças ao confronto com versões anteriores, ele realizou a revisão dos quatro Evangelhos em língua latina, depois o Saltério e grande parte do Antigo Testamento. Tendo em conta o original hebraico e grego, dos Setenta, a versão grega clássica do Antigo Testamento que remontava ao tempo pré-cristão, e as precedentes versões latinas, Jerônimo, com a ajuda de outros colaboradores, pôde oferecer uma tradução melhor: ela constitui a chamada “Vulgata”, o texto “oficial” da Igreja latina, que foi reconhecido como tal pelo Concílio de Trento que, depois da recente revisão, permanece o texto “oficial” da Igreja de língua latina”.(Audiência geral, Roma, em 7 de novembro de 2007). 

Papa: Evitemos lamentações teatrais e rezemos pelos que realmente sofrem


Missa30A homilia do Papa na missa celebrada na manhã de terça-feira, 30, na Casa Santa Marta, se inspirou na Primeira Leitura do dia, extraída do livro de Jó.
Jó amaldiçoou o dia em que nasceu, amaldiçoou a sua vida. “Ele foi colocado à prova, perdeu toda a família, todos os bens e a saúde, todo o seu corpo se transformou numa chaga, uma nojenta ferida”. Naquele momento, prosseguiu Francisco, “acabou a paciência e ele diz estas coisas, coisas feias! Mas ele estava acostumado a dizer a verdade, e esta é a verdade que ele sentia naquele momento”. Jeremias também usa estas mesmas palavras: “Maldito o dia em que nasci”! A partir daí, Francisco fez a pergunta: “Este homem, tão só, está dizendo uma blasfêmia?”
Muitas vezes, ouço pessoas que estão passando por situações difíceis, dolorosas, em que perderam tudo, se sentem sós e abandonadas… vêm reclamar e me pergutnam: por que? E se rebelam contra Deus. Eu então lhes digo: “Continue a rezar assim, porque isto é uma oração. Quando Jesus disse a seu Pai ‘Por que me abandonou?’ ele estava rezando!”
E Jó também está fazendo uma oração, porque rezar é se tornar verdade diante de Deus. Jó não podia rezar de outro modo. “Reza-se com a verdade; a verdadeira oração vem do coração, do momento que vivemos; é a oração dos momentos da escuridão, quando não vemos esperanças, não vemos o horizonte”.

Vaticano divulga tema do Dia Mundial das Comunicações 2015

Vaticano divulga tema do Dia Mundial das Comunicações 2015Em sintonia com a 14ª Assembleia Ordinária do Sínodo dos Bispos, o tema escolhido para a 49º Dia Mundial das Comunicação Sociais será “Comunicar a família: ambiente privilegiado do encontro na gratuidade do amor”. O evento será celebrado no dia 17 de maio, domingo que antecede Pentecostes.


A reflexão retoma os ensinamentos de São João Paulo II na “Familiaris consortio”, que trata das mudanças culturais e a família. Em um trecho da encíclica, o santo escreveu que “as relações entre os membros da comunidade familiar são inspiradas e guiadas pela lei da ‘gratuidade’ que, respeitando e favorecendo em todos e em cada um a dignidade pessoal como único título de valor, se torna acolhimento cordial, encontro e diálogo, disponibilidade desinteressada, serviço generoso, solidariedade profunda”.

domingo, 28 de setembro de 2014

Camocim 132 Anos !


"Quem viu tuas praias de alvura sem par
Pede a Deus te conserve formosa
Sempre airosa , 'Princesa do Mar'
Quem viu tuas velas vogando ao luar.
Tem vontade de sempre te amar.
Sempre, sempre 'Rainha do Mar'"
(Trecho do Hino de Camocim. Letra e Melodia de Francisco Valmir Rocha)

A Renovação Carismática Católica parabeniza a todos os camocinenses pelo aniversário de 132 anos de emancipação política da cidade de Camocim. Somos felizes por habitar neste solo, terra de homens e mulheres fortes; um povo feroz, pertinaz e lutador, como canta o Maestro Valmir Rocha nas belas estrofes do Hino de Camocim.

Nosso maior presente a esta terra é levar Deus aos corações daqueles que aqui habitam, para que todos possar colocar-se à disposição do Senhor na efetivação de uma sociedade mais justa e mais igualitária, onde a promoção da dignidade humana seja prioritária. Faz parte também do nosso presente o ato de levantar orações por esta cidade, seguindo o exemplo do Senhor Jesus ao orar por Jerusalém. Faz parte ainda do nosso presente continuar servindo, à luz do Espírito Santo, aos camocinenses, alimentando o desejo de que nosso povo cresça a cada dia na intimidade com Deus e no testemunho cristão.

Rogamos ao Bom Jesus dos Navegantes, que, lá do alto céu, derrame sobre esta cidade bênçãos abundantes, proporcionando ao povo camocinense dias prósperos, tranquilos e felizes.

Renovação Carismática Católica - Camocim / Ceará.
foto Rafael Lima 

É preciso carregar a cruz para entender Jesus, diz Papa

Francisco destacou que, para entender Jesus, é preciso estar disposto a levar a cruz com Ele
Da Redação, com Rádio Vaticano
Papa fala aos fiéis sobre necessidade de assumir o peso da cruz para entender Cristo Redentor / Foto: L'Osservatore Romano
Papa fala aos fiéis sobre necessidade de assumir o peso da cruz para entender Cristo Redentor / Foto: L’Osservatore Romano
Um cristão não pode entender o Cristo Redentor sem a cruz, sem que esteja disposto a levá-la com Ele, disse o Papa Francisco na homilia desta sexta-feira, 26, na Casa Santa Marta.
A fé, segundo Francisco, está nessa identificação da pertença a Cristo relacionada à Sua cruz. Do contrário, percorre-se um caminho aparentemente “bom”, mas não “verdadeiro”. As reflexões do Santo Padre se pautaram no Evangelho do dia, no qual Cristo pergunta aos discípulos o que o povo dizia sobre Ele.
O episódio, conforme observou o Papa, se enquadra no contexto do Evangelho que vê Jesus proteger de forma especial a Sua verdadeira identidade de Filho de Deus. Isso para que o povo não se equivocasse e pensasse no Messias como um líder que veio para expulsar os romanos. Somente aos doze apóstolos o Senhor fez essa revelação.

A vivacidade de São João Maria Vianney, o Cura D'Ars

Era 1827 e as multidões que chegavam à aldeia de Ars vinham de toda parte. A fama do Padre Vianney já havia se espalhado pelos quatro cantos da França. Barões, clérigos, camponeses, curiosos; todos queriam conhecer aquela figura a qual tinham por santo. Um médico, tomado pelas intrigas dos colegas, decidira visitar o sacerdote, a fim de confirmar suas injustas suspeitas. De volta à capital, Paris, não pôde dizer aos amigos outra coisa sobre o pobre cura senão: "eu vi Deus num homem".

A santidade de João Maria Vianney causava constrangimentos. Apegado desde cedo à oração, agia em tudo conforme à vontade divina, fazendo de sua vida um perpétuo louvor a Deus. Tinha um fervor imensurável. Passava horas à frente do sacrário, gastando-se em severas penitências e na meditação dos santos mistérios: "O meu terço vale mais que mil sermões". Por isso, não poupou esforços no combate às blasfêmias e à libertinagem. Era o zelo pela casa do Pai que o consumia.

Conselho Nacional define tema para 2015


altEm 2014, a Renovação Carismática Católica do Brasil se empenhou em trabalhar, aprofundar e vivenciar o tema da unidade. Até mesmo, Papa Francisco em seu discurso à RCC, neste ano, convidou o Movimento a se unir, confirmando a temática brasileira presente em Efésios 4, 3: “Conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da Paz”.
Hoje (27), reunido em Aparecida/SP, o Conselho, em instância nacional de discernimento, movido pelo Espírito Santo discerniu que em 2015 o tema que norteará a RCC do Brasil será:
 
 
"SE VIVEMOS PELO ESPÍRITO, ANDEMOS DE ACORDO COM O ESPÍRITO" (GL 5,25).
Inflamando a Chama rumo ao Jubileu de Ouro da RCC 
 
Toda a temática será empenhada em incentivar nos carismáticos de todo o país a um verdadeiro retorno ao primeiro amor, que gere conversão, em vista de se alcançar uma maturidade eclesial e espiritual, que alcance cada Grupo de Oração do Brasil. Um importante fruto da ação do Espírito Santo é a comunhão fraterna. Nesse sentido a RCCBRASIL continuará refletindo e reconstruindo a unidade do Movimento. A moção também segue os direcionamentos do ICCRS (Serviços para a Renovação Carismática Católica Internacional) em preparação à grande celebração do Jubileu de Ouro da RCC, em 2017, conforme a segunda etapa do projeto (confira aqui).
Além deste, que servirá de direcionamento para o Movimento durante todo o ano de 2015, também foram discernidos temas para outros eventos específicos da RCC do Brasil.
Para os retiros de Carnaval, o tema será:
“Deixai-vos conduzir pelo Espírito Santo” (Gl 5, 16a)
Para os Cenáculos com Maria,
“O Espírito Santo descerá sobre ti” ( cf. Lc 1, 35b)
E para os eventos que celebram Pentecostes,
“Reaviva a chama do dom de Deus que está em ti” ( 2 Tm 1,6).

fonte: RCC Brasil

Homilia do Papa na missa com os idosos e avós

Durante a Santa Missa com os idosos e os avós, na Praça de São Pedro neste domingo, 28 de setembro,  o Santo Padre Francisco pronunciou a seguinte homilia:
O Evangelho que acabamos de ouvir é acolhido hoje por nós como o Evangelho do encontro entre os jovens e os idosos: um encontro cheio de alegria, cheio de fé e cheio de esperança. Maria é jovem, muito jovem. Isabel é idosa, mas manifestou-se nela a misericórdia de Deus e há seis meses que ela e o marido Zacarias estão à espera de um filho. Maria, também nesta circunstância, nos indica o caminho: ir encontrar a parente Isabel, estar com ela naturalmente para a ajudar mas também e sobretudo para aprender dela, que é idosa, a sabedoria da vida. A primeira Leitura faz ecoar, através de várias expressões, o quarto mandamento: «Honra o teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias sobre a terra que o Senhor, teu Deus, te dá» (Ex 20, 12).

JMJ Cracóvia 2016 já tem hino oficial


jmj2jmj3
O hino oficial para a Jornada Mundial da Juventude Cracóvia 2016 já foi escolhido. O Comitê Organizador Local da Jornada Mundial da Juventude 2016, junto com o Conselho Pontifício para os Leigos, elegeu a música “Bem-aventurados os misericordiosos”, de Jakub Blychars como hino oficial da JMJ que acontecerá em Cracóvia, na Polônia.
Jakub Blecharz é advogado, mas apaixonado pela música. Ele é compositor de várias músicas litúrgicas polonesas como “Dorby jest Pan”, “Bonum est praestolari”, entre outras. Junto com  a esposa e a filha, ele faz  parte da comunidade “Glos na Pustyn” (A Voz no Deserto), em Cracóvia.
O hino será apresentado oficialmente em Cracóvia  no dia 28 de outubro deste ano. A música selecionada é uma das 94 que foram enviadas ao Comitê Organizador, que, em nota publicada no site oficial do evento, agradece a todos os participantes do concurso.

DEUS É FIEL

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VISITANTE N°