VEJA NOSSOS ÁLBUNS DE FOTOS NO NOSSO FACEBOOK: facebook.com/gruporenascercamocim

sábado, 14 de janeiro de 2012

PROGRAMAÇÃO JESUS NO LITORAL


PROGRAMAÇÃO SABADO A TARDE E NOITE


16:00H- ADORAÇÃO A JESUS SACRAMENTADO
19:00 S- MISS CAMPAL - AO FINAL  - SHOW DE EVANGELIZAÇÃO COM PADRE GILVAN

DOMINGO DIA 15/01/2012


9HS - EVANGELIZAÇÃO PRAIA DO MACEIÓ
11H - DESLOCAMENTO E EVANGELIZAÇÃO  AO LAGO SECO.
16:30 H/18H/19/H- ENCERRAMENTO OFICIAL DO PROJETO COM OS MISSIONÁRIO DE CAMOCIM, IGREJA DE S.FRANCISCO, MATRIZ, SÃO PEDRO.

DIARIO DA MISSÃO EM CAMOCIM

 VISITA NAS FAMILIAS E INCENDEIAS


Sexta  feira dia 13/02/2012 - Das 14:00hs as 18:00hs 

Missionários do Polo São Pedro
Os participantes do evento também foram convidados a realizar uma experiência missionária. Assim, na tarde do dia 13 de janeiro, cerca de mais de 100 carismáticos foram às casas de cidades da cidade de Camocim  e no Bairro do Maceió para fazer uma proposta diferente  aos seus moradores: experimentar o amor de Deus.

Os Missionários foram divididos nos tres polos: S.Francisco ( N.S.de Fátima), Cruzeiro( Maceió) e São Pedro. Ao longo das ruas da cidade, os missionários carismáticos levaram uma mensagem de amor e alegria aos seus moradores. muitos moradores partilhavam  com os missionários, falando de suas dores e pedindo orações do mesmo local.  "A missão chegou à nossa  casa em um momento em que precisava. “Estava muito angustiada, triste”, confessa um moradora da rua Siqueira Campos.Durante a evangelização, também percebemos como existem tantas pessoas feridas, machucadas, sedentas da Palavra e do Amor de Deus. Pessoas que moram tão próximas à Igreja, mas que sequer a frequentam. São pessoas com doenças físicas e espirituais, com grandes vazios existenciais, sempre buscando algo que não sabem o que é.
missionários Evangelizando pescadores


As bênçãos também atingiram a vida dos missionários.  Animados pelas maravilhas que viram, manifestaram o desejo de repeti-la em suas cidades e dioceses. Foi notável que os missionários não só levaram Jesus às pessoas e às casas, mas que também O encontraram nelas e a acolhida do povo foi muito grande que contagiou a todos .
No final do dia, em cada polo visitado pela missão, foram realizados Grupos de Oração, os INCENDEIAS. Os missionários ficaram responsáveis pela acolhida, pregação e condução das orações. 
 
A conhecida e chamada "Praça do Amor" que fica na beira mar de Camocim, ficou tomada pelo um grande publico, e grande presença das pessoas visitadas, para o Incendeias do Polo S.Pedro. "Este  local  agora será conhecida como A Pracinha do Amor de Deus" - afirma Davidsom coordenador do MJ Estadual. 
Durante o Incendeia há um FOGO que queima! E queima nossos corações, implantando neles anseio pelo implante da Cultura de Pentecostes. E não desistiremos até que vejamos instaurada a civilização do amor. E a missão continua em Camocim....

Incendeia na praça do Amor

Aqui tem Jovem,  Aqui tem Fogo!  Deus te Ama...
até a proximo diario...
Gessivando Queiroz
missionário do projeto



Missa de Envio dos Missionário do Projeto Jesus no Litoral

Com muita alegria RCC CAMOCIM realizou a Missa de envio dos missionários que irão participar do Projeto Jesus no litoral em Camocim. 


 sexta dia 13/02/2012  - A Primeira edição do Jesus no Litoral, que acontece em Camocim recebeu nesta sexta -feira (13), uma bênção especial. Padre Eder, celebrou a missa de envio na Igreja de São Francisco, aos missionários deste ano. De acordo com o Jovem Padre, a juventude é de grande importância para Deus, e a Igreja os olha com todo carinho, valorizando a criatividade, alegria e o coração aberto que a idade proporciona. Além de citar  a mensagem do Papa Bento XVI, que falou aos jovens de todo o mundo, e os apontou como sinais de vida e esperança. “O Santo Padre chama a juventude para a responsabilidade de levar a palavra de Cristo”, afirma. A cada menção aos missionários, os jovens presentes na Missa aplaudiam, enquanto que muitos se emocionavam pelo acolhimento recebido da mais alta qualidade, e humildade feito por ele.  
 Um dos pontos que mais tocaram padre Eder, é o fato dos missionários estarem na contra mão do que tem sido apresentado pelo mundo. “Em pleno ferias, estes jovens poderiam estar  descansando ou viajando com  à família, mas eles estão aqui, falando de Deus para pessoas que nem conhecem, longe da comodidade do lar”, exalta o Padre que pede para que as pessoas não esqueçam a referência maior, que deve ser Jesus Cristo.
Quanto a Renovação Carismática Católica, os elogios do padre foram muitos. Ressalta a importância do movimento que, junto das demais pastorais da Igreja, engrandece o processo de evangelização. Destacou ainda a alegria dos carismáticos, principalmente no louvor a Deus e a força das orações. 
no Final da Missa padre Eder abençoou todos os missionario, aspergindo a  todos  e desejando uma órima missão. "Deus nos entrega vasos de Cristais para que sejam preenchidos pelo Espirito Santo e  com as benção de Deus  serem levando as pessoas.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Começa a missão Jesus no Litoral em Camocim.

Camocim, do litoral do Ceará , será  tomado por cerca de mais de  100 jovens missionários do Movimento Jovem da Renovação Carismática Católica, para a primeira edição cearense  do projeto Jesus no Litoral.
Nesta  quinta-feira (12), até o domingo (15) os jovens participam de uma programação extensa de formação, oração e missão. Tivemos logo cedo a santa Missa com o Padre Roselio que motivou toda a juventude da RCC do Ceará a viver a missão com muita ousadia e santidade.
Depois da Santa Missa todos os jovens estarão participando de louvores, orações e pregações na "Base" do encontro(local: Centro São Franciso), os direcionamentos, a vivencia fraterna será trabalado durante todo o dia de hoje!

XX Capítulo geral das irmãs Capuchinhas decide nova madre geral XX Capítulo geral das irmãs Capuchinhas decide nova madre geral

DSC07800
 enviado por Dysnei Tahim Colaboradora do Blog

O XX Capítulo Geral das irmãs Capuchinhas que aconteceu de 3 a 10 de janeiro decidiu a nova madre geral para a Congregação das Irmãs Missionarias Capuchinhas, irmã Bevenuta Maria. O Capítulo aconteceu em Fortaleza e contou com A Congregação das Irmãs Missionárias Capuchinhas teve origem no ano de 1899, em Alto Alegre, Barra do Corda, interior do Maranhão. Lá estabeleceram-se as Irmãs Capuchinhas de Gênova, para educar cristãmente de modo especial as pobres meninas selvagens, que habitavam aquelas florestas. Além de Fortaleza, onde se localiza a sede geral, a congregação tem delegações em Moçambique (África), São Luís (MA), Grajaú ( MA), Imperatriz (MA), Codó- (MA), Caxias (MA), Teresina (PI), Belém (PA), Abaetetuba (PA), Camocim (CE), Maranguape (CE), Capim de Roça (CE), João Pessoa (PB), Campinas (SP), São Roque (SP), Juazeiro do Norte (CE), Guaramiranga (CE), Niterói (RJ), Santa Barbara (MG), Antonio Diogo (CE), Lagoa dos Gatos (PE), Benjamim Constant (AM), Manaus (AM), São Paulo de Olivença (AM), Esmeraldas (Equador), Manaus (AM), Campos Lindo (TO), Água Lindas (GO), Santo Amaro (MA), Morros (MA), Goiatins (TO), Santa Maria Sul, Luciara (MT), Gov. Edson Lobão (MA), Belo Horizonte (MG) e Distrito Federal.a participação de 52 irmãs

As religiões populares entre os famosos

Algumas das religiões que ficaram mais famosas por seus fiéis.

Danielle Winits e Monqiue Evans
Danielle Winits e Monique Evans
Foto: Divulgação
Bola de Neve (Monique Evans e Danielle Winits)
A igreja evangélica foi fundada pelo apóstolo Rina, ex-membro da Renascer, em 1993, em São Paulo. Com cultos informais - tem louvores em ritmo de reggae, pop e rock -, ficou conhecida como "a religião dos surfistas" por ter uma prancha bem no altar. O clima atrai muitos jovens. Hoje, está presente em nove países, além do Brasil, tem rádio e programa na tv.

Falta coragem às autoridades para dar um basta aos espertalhões da fé

Os vendilhões dos templos eletrônicos em tempos de espertalhões da fé

por Luiz Cláudio Cunha para o Sul21

Incapaz de vender a alma ao diabo, a Rede Bandeirantes acaba de revender seu santo horário da noite para o pastor R.R. Soares, o líder da Igreja Internacional da Graça de Deus. O seu ‘Show da Fé’ de 20 minutos, que começava religiosamente às 21h, agora vai durar uma hora inteira, a partir das 20h30. Não se sabe ainda quanto custou esse novo e triplicado milagre, mas pelo contrato antigo o bom pastor já pagava R$ 5 milhões mensais à Band. O vil metal falou mais alto para a TV de Johnny Saad, que anunciava a devolução do horário nobre da noite a seriados consagrados, como o 24 Horas, para concorrer com as novelas da Globo e as séries do SBT, todas com melhor audiência.

A novidade escangalhou os planos do argentino Diego Guebel, que assumiu a direção artística da Band em outubro passado com a promessa de recuperar o espaço nobre e caro da noite para atrações mais mundanas do que a prosopopeia de Soares. A bíblica derrota de Guebel na Band é apenas outro indício da onda avassaladora do dinheiro que afoga a TV brasileira deste Brasil cínico que finge ser laico e imune à força econômica da religião e seus falsos profetas. Os canais de rádio e TV são concessões públicas, supostamente alheias aos credos e seitas religiosas que transformaram estúdios, igrejas, templos e estádios em púlpitos eletrônicos cada vez mais invasivos e escancarados.

Não existe ninguém no Governo ou no Congresso brasileiros com coragem para frear essa flagrante ilegalidade, sancionada por verbas, dízimos, patrocínios e uma farta hipocrisia. A irrestrita capitulação aos padres e pastores que lideram milhões de fiéis (e eleitores) ficou escancarada na última eleição presidencial, em 2010, quando os dois principais candidatos com raízes na esquerda — Dilma Rousseff e José Serra — sucumbiram vergonhosamente à chantagem das correntes mais atrasadas das igrejas, frequentando missas e cultos com o gestual mal ensaiado de pios devotos que não sabiam nem metade da missa, nem qualquer salmo dos evangelhos. Encenaram um constrangedor teatro de conversão medida para não ofender o eleitor mais ortodoxo. Para não perder votos, Dilma e Serra caíram na armadilha do falso debate religioso sobre o aborto — um tema que um e outro, por mera consciência política ou formação acadêmica, sabem que nos países mais evoluídos não passa de um grave e secular problema de saúde pública.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Jornal vaticano adianta intenções do Papa para 2013

O jornal vaticano L'Osservatore Romano publicou hoje adiantadamente as intenções do Apostolado da oração do Papa Bento XVI para o ano 2013.

As intenções do Santo Padre para o ano 2013 - no qual concluirá o Ano da Fé convocado por ocasião do 50º aniversário do Concílio Vaticano II e os 20 anos do Catecismo da Igreja Católica- são as seguintes:

Janeiro
Geral: Para que neste "Ano da Fé" os cristãos possam aprofundar no conhecimento do mistério de Cristo e testemunhar com alegria o dom da fé nele.
Missionária: Para que as comunidades cristãs do Oriente Médio, com freqüência discriminadas, recebam do Espírito Santo a força da fidelidade e a perseverança.

Fevereiro
Geral: Para que as famílias de migrantes, em particular as mães, sejam sustentadas e acompanhadas em suas dificuldades.
Missionária: Para que as populações que experimentam as guerras e conflitos possam ser protagonistas da construção de um futuro de paz.

Março
Geral: Para que cresça o respeito pela natureza, com a consciência de que toda a criação é obra de Deus confiada à responsabilidade humana.
Missionária: Para que os bispos, os presbíteros e os diáconos sejam incansáveis anunciadores do Evangelho até os limites da terra.

Abril
Geral: Para que a celebração pública e orante da fé seja fonte de vida para os fiéis.

Missionária: Para que as Igrejas particulares dos territórios de missão sejam sinal e instrumento de esperança e de ressurreição.

Maio
Geral: Para que quem administra a justiça aja sempre com integridade e reta cosnciência.

Missionária: Para que os seminaristas, especialmente das Igrejas de missão, sejam pastores segundo o coração de Cristo, inteiramente dedicados ao anúncio do Evangelho.

Junho
Geral: Para que prevaleça entre os povos uma cultura de diálogo, de escuta e de respeito recíproco.

Missionária: Para que ali onde é mais forte o influxo da secularização, as comunidades cristãs saibam promover eficazmente uma nova evangelização.

Julho
Geral: Para que a Jornada Mundial da Juventude que se desenvolve no Brasil anime a todos os jovens cristãos a fazerem-se discípulos e missionários do Evangelho.

Missionária: Para que em todo o continente asiático se abram as portas aos mensageiros do Evangelho.

Agosto
Geral: Para que os pais e educadores ajudem as novas gerações a crescerem com uma consciência reta e uma vida coerente.

Missionária: Para que as Igrejas particulares do Continente africano, fiéis ao anúncio evangélico, promovam a construção da paz e da justiça.

Setembro
Geral: Para que os homens de nosso tempo, com freqüência imersos no ruído, redescubram o valor do silêncio e saibam escutar a voz de Deus e os irmãos.

Missionária: Para que os cristãos que sofrem a perseguição em numerosas regiões do mundo possam ser, com seu testemunho, profetas do amor de Cristo.

Jovem pediu oração em rede social antes de morrer soterrado no RJ


http://4.bp.blogspot.com/-iiKplDQJ4_Q/Tw28_UO0XLI/AAAAAAAAN98/XCvl9mIb__Q/s1600/23b5cf9b6b56933b79fe2a2c157505a9c4c3f7f0.jpgThiago Carvalho foi soterrado em casa, em Sapucaia, com a mãe e o pai.
'Estamos em casa, debaixo de um teto com uma cama quentinha', postou ele.
Uma das vítimas do deslizamento que soterrou oito casas no distrito de Jamapará, em Sapucaia, no Centro Sul do estado, na segunda-feira (9), postou uma mensagem na rede social Facebook horas antes de morrer, pedindo orações para os moradores da cidade vizinha de Além Paraíba, na divisa do Rio de Janeiro com Minas Gerais, que também foram afetados pelas chuvas.
A mensagem diz: "Vamos nos unir em orações pelas famílias que, neste momento, em Além Paraíba e região, estão sofrendo com a forte chuva. Eu e você estamos em casa, debaixo de um teto com uma cama quentinha a espera e quantos lá fora passando por uma situação difícil. Que cada um, ao ler essa postagem, possa rezar um Pai Nosso e uma Ave Maria por essas famílias. Amém".
Os amigos do estudante Thiago Carvalho prestaram homenagens a irmã dele logo abaixo da postagem. O jovem foi soterrado, junto com o pai e a mãe, dentro de casa. O imóvel onde os três moravam ficou sob os escombros.

  Blog Grupo Renascer com informações do G1

Israel acha selo de 1,5 mil anos usado para marcar pão


http://2.bp.blogspot.com/-ymx7GF4s-uk/TwyA9LdQ5WI/AAAAAAAAN5I/C3b5fLNUIcU/s1600/2173223-3175-rec.jpgUm grupo de arqueólogos israelenses encontrou em Acre, no norte do país, um selo com forma de candelabro utilizado para marcar o pão há mais de 1,5 mil anos, informou nesta terça-feira a Direção de Antiguidades de Israel em comunicado.
O selo, de pequeno tamanho e feito de cerâmica, deixava sobre a superfície do pão a figura de um candelabro de sete braços como o utilizado no segundo Templo de Jerusalém. Esta era uma forma de marcar o pão destinado às comunidades judaicas da época que viviam sob o Império Bizantino.
"Esta é a primeira vez que um selo deste tipo é achado em uma escavação científica controlada, o que torna possível determinar sua origem e sua data", afirmou Danny Syon, um dos diretores da escavação em um povoado rural aos arredores de Acre, cidade notoriamente cristã naquela época.
Segundo os arqueólogos, o achado demonstra que os judeus viviam na região e que o pão era marcado para enviá-lo aos que residiam dentro da cidade, uma espécie do atualmente empregado selo "kosher" para produtos que respondem às estritas normas da cozinha judaica.

Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade, deve ficar pronta em 10 anos



 VEJA O VIDEO CLICANDO AQUI !!!!

O cronograma para a construção da Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade, Região Metropolitana de Goiânia, foi anunciado na manhã desta terça-feira (3). A construção do novo santuário deve durar aproximadamente 10 anos. O alvará do uso do solo já foi liberado. O próximo passo antes do início das obras será a requisição do atestado de viabilidade técnica e alvarás de licença ambiental.
Do alicerce até a cúpula, a basílica terá 94 metros de altura, o equivalente a um prédio de 30 andares, em uma área total de 120 mil metros quadrados. A construção vai ser feita a partir de doações de fiéis e também de empresários.
Público de 2,5 milhões de fiéis
A Festa do Divino Pai Eterno deste ano, com o tema “Em nome do Pai”, pretende atrair, entre os dias 24 de junho e 3 de julho, cerca de 2,5 milhões de pessoas, a exemplo do ano passado. Para acolher os romeiros, o Santuário Basílica e a Igreja Matriz oferecem extensa programação, com atrações inéditas. Pela primeira vez, na sexta-feira, 1° de julho, será realizada uma missa para os cavaleiros e muladeiros.

Também faz parte da agenda deste ano a missa e benção da Pedra Fundamental do Novo Santuário, com expectativa de atrair mais de 100 mil devotos no penúltimo dia da romaria. O santuário irá acolher ainda a 8ª Romaria Arquidiocesana a Trindade, a Romaria dos Carros de Boi, a Missa dos Carreiros e as novenas diárias.
Padres e religiosos de todo o Brasil estarão presentes na festa. O reitor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, pe. Robson de Oliveira, destaca que a festa deste ano terá sabor especial. “A devoção ao Divino Pai Eterno, atualmente, está no coração de fiéis de todas as regiões do País e do mundo e se propaga ainda mais pelos veículos de comunicação.”

Padre Robson frisa que o tema da festa irá fortalecer a fé e a comunhão com Deus, que é Pai. “Iremos focar nossas reflexões na primeira pessoa da Santíssima Trindade, o Pai. Deus é pai de bondade, que nos reúne como filhos amados”, reflete. Ao todo, serão realizadas 11 procissões, mais de 100 missas e 46 novenas, além de inúmeras confissões e batizados. No tríduo (três dias que antecedem o domingo da Festa do Divino Pai Eterno) haverá missas na madrugada. Quem estiver em casa, também poderá acompanhar as celebrações pela Rede Vida de Televisão, UCG TV, entre outras emissoras.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
por
G1/Blog Wellington Fróes

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

O inacabado que há em mim

Imagem de Destaque por padre Fábio de Melo
Quem não se ama não sabe amar ninguém
Eu me experimento inacabado. Da obra, o rascunho. Do gesto, o que não termina. Sou como o rio em processo de vir a ser. A confluência de outras águas e o encontro com filhos de outras nascentes o tornam outro. O rio é a mistura de pequenos encontros. Eu sou feito de águas, muitas águas. Também recebo afluentes e com eles me transformo.

O que sai de mim cada vez que amo? O que em mim acontece quando deparo com a dor que não é minha, mas que pela força do olhar que me fita vem morar em mim? Eu me transformo em outros? Eu vivo para saber. O que do outro recebo leva tempo para ser decifrado. O que sei é que a vida me afeta com seu poder de vivência. Empurra-me para reações inusitadas, tão cheias de sentidos ocultos. Cultivo em mim o acúmulo de muitos mundos.

Por vezes o cansaço me faz querer parar. Sensação de que já vivi mais do que meu coração suporta. Os encontros são muitos; as pessoas também. As chegadas e partidas se misturam e confundem o coração. É nessa hora em que me pego alimentando sonhos de cotidianos estreitos, previsíveis.

Mas quando me enxergo na perspectiva de selar o passaporte e cancelar as saídas, eis que me aproximo de uma tristeza infértil. Melhor mesmo é continuar na esperança de confluências futuras. Viver para sorver os novos rios que virão. Eu sou inacabado. Preciso continuar.

Se a mim for concedido o direito de pausas repositoras, então já anuncio que eu continuo na vida. A trama de minha criatividade depende deste contraste, deste inacabado que há em mim.

Um dia sou multidão; no outro sou solidão. Não quero ser multidão todo dia. Num dia experimento o frescor da amizade; no outro a febre que me faz querer ser só. Eu sou assim. Sem culpas.

Quem sou eu? Eu, visto pelo outro, nem sempre sou eu mesmo... Quem sou eu? Eu vivo para saber. Interessante descoberta que passa o tempo todo pela experiência de ser e estar no mundo. Eu sou e me descubro ainda mais no que faço. Faço e me descubro ainda mais no que sou. Partes que se complementam.

“Perdoo, mas não esqueço”. É possível?

Llúcia Pou Sabaté
via blog Carmadelio

Frequentemente, ouvimos falar: “Perdoo, mas não esqueço”. Na verdade, quem diz isto não perdoa, porque guarda rancor. Por isso é dito que não se perdoa de verdade quando, no fundo, não se está disposto a esquecer.
Perdoar é esquecer? Ambos produzem o mesmo efeito? Trata-se de uma questão de grande importância, já que o perdão é essencial para uma vida feliz e equilibrada: “Aquele que é incapaz de perdoar é incapaz de amar” (Martin Luther King).
Parece-me que é preciso diferenciar “esquecer”, quando significa ressentimento, e esquecer como “desaparecer da memória”. Vou me referir ao primeiro sentido: é preciso esquecer, “não regateie o perdão: é impossível caminhar com tantas feridas abertas… perdoe todas as velhas feridas e as cicatrize com resinas de amor” (Zenaida Bacardí de Argamasilla). É não querer mal, não há outro caminho. “Perdão é uma palavra que não é nada, mas que carrega sementes de milagres” (Alejandro Casona), sementes semeadas em nossos corações pelo próprio Jesus, que se alimentam até mesmo das ofensas: cada ofensa recebida é uma oportunidade de melhorar nossa capacidade de perdoar, pois, em vez de causar ressentimentos, é estímulo para essa coisa divina chamada perdão.

O aborto e o nascituro no Direito Internacional – A Declaração de S. José.


O aborto e o nascituro no Direito Internacional
A Declaração de S. José
Texto e Assinaturas
Artigo 1º
É um facto científico que uma nova vida humana começa na concepção.
Artigo 2º
Cada vida humana é um contínuo que começa na concepção e avança por etapas até à morte. A ciência dá nomes diferentes para essas etapas, incluindo zigoto, blastocisto, embrião, feto, bebé, criança, adolescente e adulto. Isto não altera o consenso científico de que, em todos os pontos do seu desenvolvimento, cada indivíduo é um membro vivo da espécie humana.
Artigo 3º
Desde a concepção, cada criança ainda não nascida já é, por natureza, um ser humano.
Artigo 4º
Todos os seres humanos, como membros da família humana, têm direito ao reconhecimento de sua inerente dignidade e à protecção dos seus direitos humanos inalienáveis. Isto é reconhecido na Declaração Universal dos Direitos Humanos, no Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos, e em outros instrumentos internacionais.
Artigo 5º
Não existe o direito ao aborto como direito reconhecido na lei internacional, nem por meio de qualquer tratado nem como obrigação de direito internacional consuetudinário. Nenhum tratado das Nações Unidas pode rigorosamente ser citado como estabelecendo ou reconhecendo um direito ao aborto.
Artigo 6º
O Comité para a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher (Comité CEDAW), e outras entidades de acompanhamento do tratado, têm-se dirigido a Governos no sentido de mudarem as suas leis sobre o aborto. Estes órgãos têm, explícita ou implicitamente, interpretado os tratados a que estão sujeitos como incluindo o direito ao aborto.
Este organismos de controlo não têm nenhuma autoridade, nem concedida pelos tratados que os criaram, nem concedida pelo direito internacional geral, para interpretar os tratados de maneira a criar novas obrigações para os Estados ou a alterar o conteúdo dos tratados.
Assim, qualquer órgão, que interprete um tratado para incluir um direito ao aborto, atua fora da sua autoridade e em violação do seu mandato. Tais actos “ultra vires” [i.e. para além do respectivo poder] não criam quaisquer obrigações legais para os Estados Partes do tratado, nem devem os Estados aceitar as suas contribuições para a formação de um novo direito internacional consuetudinário.
Artigo 7º
São falsas, e devem ser rejeitadas, quaisquer afirmações de agências internacionais, ou de entidades não-governamentais, no sentido de que o aborto é um direito humano.
Não há nenhuma obrigação legal internacional de fornecer acesso ao aborto, seja qual for o fundamento invocado, nem por razões de saúde, nem de privacidade ou autonomia sexual, nem de não discriminação.
Artigo 8º
De acordo com os princípios básicos da interpretação dos tratados de direito internacional, baseados nas obrigações de boa fé e no princípio “pacta sunt servanda” [que diz: os pactos lealmente celebrados devem ser fielmente cumpridos], e no exercício da sua responsabilidade de defender as vidas do seu povo, os Estados podem e devem invocar as disposições do Tratado que garantem o direito à vida como abrangendo uma responsabilidade do Estado de proteger o nascituro contra o aborto.

A Igreja Católica e sua relação com anos, dias e semanas de nosso calendário.




Fonte: Ciência confirma Igreja

2012: um novo ano teve início num momento muito preciso do relógio. A partir do primeiro segundo do ano, a imensa maioria dos homens vai ritmar sua vida pelo calendário que recomeça como nos anos anteriores, porém com algumas importantes datas mudadas.
A data da Páscoa muda a cada ano, impondo consigo mudanças gerais, por exemplo, as datas de Carnaval. Como o ano de 2012 será bissexto, fevereiro terá um dia a mais.
O calendário com suas mudanças é aceito por todos. Todo o mundo intui que os critérios usados para as mudanças são sábios, úteis e benéficos.
Contudo, tais critérios são desconhecidos da imensa maioria que vai se pautar por eles.
A que se deve essa mudança tão grande, constante, porém certa e bem recebida, do calendário?

Católicos lançam campanha para enfrentar crise de credibilidade

http://1.bp.blogspot.com/-Gn1cAxRjD5k/TwxFvDGr5II/AAAAAAAAN4w/eA4Jh1BkxmA/s1600/catholic-church.jpgPara fazer frente à crise instalada na Igreja Católica estadunidense, motivada pelos escândalos envolvendo sacerdotes em casos de pedofilia, levaram a denominação ao lançamento da campanha “Catholics Come Home” (Católicos Voltem para Casa).
A cada ano, a Igreja Católica dos Estados Unidos perde cerca de 100 mil fiéis. De acordo com relatório da Conferência dos Bispos daquele país, a crise começou em 2002, com a revelação de casos de pedofilia envolvendo clérigos.
Enquete do Centro de Aplicação de Pesquisa no Apostolado (Cara, a sigla em inglês), da Universidade de Georgetown, apenas um terço dos católicos estadunidenses assiste à missa uma vez por semana. Por dedução, quase 43 milhões de católicos não são praticantes.
A campanha divulga mensagens em meios de comunicação de massa voltadas à educação evangelizadora, com o propósito de resgatar fiéis que abandonaram a fé católica.
 
blog grupo Renascer Camocim com informações do ALC

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Mensagem de Bento XVI para o XX Dia Mundial do Enfermo



"Levante-te e vai. A tua fé te salvou!" (Lc 17,19)
Queridos irmãos e irmãs,
Por ocasião do Dia Mundial do enfermo, que celebraremos no próximo dia 11 de fevereiro de 2012, memória da beata Virgem de Lourdes, desejo renovar a minha proximidade espiritual a todos os enfermos que se encontram nos locais de reabilitação e são acolhidos nas famílias, exprimindo a cada um a solicitude e afeto de toda a Igreja. Na colhida generosa e amorosa de toda vida humana, sobretudo daquela fraca e e doente, o cristão exprime um aspecto importante do próprio testemunho evangélico, sob o exemplo de Cristo, que inclinou-se sobre os sofrimentos materiais e espirituais do homem para curá-lo.
Neste ano, que constitui a preparação mais próxima do solene Dia Mundial do enfermo que se celebrará na Alemanha no dia 11 de fevereiro de 2013 e que se deterá sobre a emblemática figura evangélica do samaritano (Lc 10, 29-37), gostaria de destacar os Sacramentos da Cura, isto é, o sacramentos da penitência e da reconciliação e da unção dos enfermos, que possuem seus naturais cumprimentos na comunhão eucarística.
O encontro de Jesus com os dez leprosos, narrado no Evangelho de São Lucas (Lc 17, 11-19), em particular as palavras que o Senhor dirige a um deles: "Levanta-te e vai; a tua fé te salvou!" (v.19), ajudam a tomar consciência da importância da fé daqueles que, agravados pelo sofrimento e pela doença, se aproximam do Senhor. No encontro com Ele podem experimentar realmente que quem crê não está nunca sozinho. Deus, de fato, no seu Filho, não nos abandona em nossas angústias e sofrimentos, mas nos é próximo, nos ajuda a leva-los e deseja curar no profundo o nosso coração (Mc 2, 1-12).
A fé daquele único leproso que, vendo-se curado, cheio de admiração e alegria, diferente dos outros, retorna imediatamente a Jesus para manifestar o próprio reconhecimento, demonstra que a saúde reconquistada é sinal de algo mais precioso que a simples cura física, é sinal da salvação que Deus nos doa através de Cristo; a mesma encontra expressão nas palavras de Jesus: a tua fé te salvou. Quem, no próprio sofrimento e doença invoca o Senhor é certo que o Seu Amor não nos abandona nunca, e que também o amor da Igreja, prolongamento no tempo da sua obra salvífica, não deixa de ser manifestado. A cura física, expressão da salvação mais profunda, revela assim a importância que o homem na sua integralidade de alma e corpo representa para o Senhor. Todo Sacramento exprime e atua a proximidade de Deus, o qual, em modo absolutamente gratuito nos toca por meio das realidades materiais, que Ele assume ao seu serviço, fazendo disso instrumentos do encontro entre nós e Ele mesmo (Homilia Santa Missa do Crisma, 1 de abril de 2010). "A unidade entre criação e redenção se tornam visíveis. Os Sacramentos são expressão da corporeidade da nossa fé que abraça corpo e alma, o homem inteiro" (Homilia Santa Missa do Crisma, 21 de abril de 2011)

Arquidiocese de Goiânia afasta padre que usava a Bíblia nas missas


http://2.bp.blogspot.com/-9YbwjJ56yfc/TwoD8F29ncI/AAAAAAAAN1Y/c5Przl8Rmio/s1600/Luiz-Augusto-247x155.jpgO padre Luiz Augusto, que reunia milhares de pessoas, foi afastado sem explicação oficial.
Em um país que já se acostumou a ver padres como Marcelo Rossi e Fábio de Melo atraírem multidões é de se estranhar que o sacerdote Luiz Augusto Ferreira da Silva, 51, da paróquia Sagrada Família em Goiânia seja punido por ser popular.
Chamado de “evangelizador das multidões”, em sua igreja recolhia mensalmente cerca de R$ 450 mil em dízimo (a maior arrecadação de Goiás). Além das missas concorridas, o padre liderava projetos sociais que faziam distribuição de cestas básicas, acolhi moradores de rua e ajudava dependentes químicos com parte da arrecadação. Padre Luiz levava alimentos, brinquedos e celebrava missas para as pessoas que moram em meio ao lixo depositado diariamente no aterro sanitário de Aparecida de Goiânia.
Depois de 15 anos na Sagrada Família, Luiz Augusto, teve de restringido o seu contato com os fiéis por imposição da Arquidiocese de Goiânia. Transferido de paróquia duas vezes por ordem de dom Washington Cruz, arcebispo de Goiânia, está agora proibido de celebrar missas para o público e de participar de programas de rádio e de TV.]
Segundo a reportagem da revista ISATOÉ desta semana, não há um motivo claro para essa decisão. “Trata-se de um caso de nítida perseguição a esse sacerdote, um líder nato que arrebanha multidões, mas causa inveja e ciúme”, disse à revista a odontopediatra Soraya Sebba Chater.

domingo, 8 de janeiro de 2012

EPIFANIA DO SENHOR – Mt 2,1-12


 Caminhamos à tua luz!

 Celebramos a festa da Epifania: este vocábulo grego significa "manifestação". Exemplo de uma manifestação é quando se faz um evento que chegue ao conhecimento do maior número de pessoas possível; pode ser uma manifestação de protesto, de solidariedade, ou mesmo uma representação teatral. No que diz respeito a festa que a Igreja hoje celebra, estamos diante de uma manifestação de Deus. É a festa na qual Deus se manifesta a todos os povos. Ele quebra o vínculo com o povo de Israel para estendê-lo a toda a humanidade. A manifestação de Deus em Jesus não é destinada a um grupo restrito de pessoas, mas inclui todo o mundo como mostra o texto evangélico.
Nele, aparecem três grupos de pessoas e sua relação com o recém-nascido em Belém: os magos, Herodes e os doutores da Lei e os escribas. O termo "mago" é muito vago, mas de certo modo, refere-se aos espertos na observação dos astros, aos astrólogos. Tinham conhecimento da espera messiânica pelos judeus e tendo recebido uma indicação do nascimento do Messias, põem-se a caminho. Conhecem a direção, mas não sabem exatamente o que os espera. Estão a caminho. Vêm do Oriente e enfrentam todos os incômodos de uma viagem cansativa até Belém em busca do Messias que nasceu. Representam todos os pagãos, chamados a crer em Cristo. Representam todos nós. Representam a caminhada de todos os povos, anunciada pelo profeta Isaías na I leitura: "os povos caminham à tua luz e os reis ao clarão de tua aurora" (Is 60,1-6). A viagem dos magos é imagem do caminho de fé e de esperança que o homem de cada tempo realiza até Deus. A fé é sempre uma busca. Aquele que crê está sempre a caminho.
Chegando em Jerusalém, são enviados a um outro lugar. Agora, sabem com mais precisão onde podem encontrar o rei. De fato, os escribas são espertos na Sagrada Escritura e dela deduzem o lugar de nascimento do Messias, Belém da Judeia: "E tu, Belém, terra de Judá, de modo algum és a menor entre as principais cidades de Judá, porque de ti sairá um chefe que vai ser o pastor de Israel, o meu povo". Os magos, que são pagãos, perseveram na busca do rei, pondo-se de novo a caminho.

Procureis ocasiões de santidade

ENTRE SENTINELASOlá sentinela da manhã,
Dia desses eu estava ouvindo uma pregação um pouco antiga do Monsenhor Jonas Abib cujo título é “Abandoneis as ocasiões de pecado” (que você pode ouvir ou baixar clicando aqui). Como o próprio título já nos antecipa, Pe. Jonas nos exortava sobre a necessidade de fugirmos daquelas situações que não são propriamente pecaminosas, mas que muito provavelmente nos levariam a desobedecer a Deus.
Pois é, amigo sentinela, esse mundo é tão cheio dessas situações, não é verdade? As festas, as conversas maliciosas, sexualidade e afetividade desregrada… Não só parece, essas coisas estão ao nosso redor e por vezes sufocam os nossos ideais cristãos.
Mas com esse texto quero levar até você, meu companheiro de luta, uma proposta bastante interessante que o Mons. Jonas nos faz: encher esse mundo de ocasiões de santidade. Isso mesmo, ocasiões de santidade.

Demi Lovato causa polêmica ao reclamar de Deus no Twitter

Ao desabafar pela rede social a atriz escreveu: “Às vezes parece que Deus só fica jogando m… no meu caminho e eu fico tão chateada com Ele, mas nunca tive dúvida de que Ele vai me colocar no caminho certo. Eu sei que você está aí, Deus. Mas, humm, sério cara?”.
“Ele nunca falha em me mostrar que está ao meu lado. Mesmo nos tempos difíceis”, completou a estrela de Camp Rock, que recebeu várias respostas de seus seguidores ao seu desabafo.
Segundo o Ego muitos seguidores criticaram as declarações da atriz que respondeu ainda na rede social dizendo: “Eu não sou muito religiosa, mas sou muito espiritual e acredito em Deus. Eu não sou perfeita e nem estou pregando, estou apenas tuitando”.

Exercite a fé!

 por padre Alberto Gambarini

Esta pequena meditação é dirigida a quem esta sofrendo alguma doença do espírito, emoções ou corpo. O modo como Jesus curava continua sendo válido para todos os tempos, onde existirem pessoas doentes.
Entre as inúmeras curas de Jesus, uma chama a atenção de um modo todo especial. É a cura da mulher do fluxo de sangue.
Durante doze anos padeceu deste mal, e também gastou todo o seu dinheiro buscando a cura com diversos médicos. Tendo ouvido falar de Jesus, toma a decisão de procurá-lo.
O efeito deste encontro foi instantâneo: “aproximou-se dele por detrás e tocou-lhe a orla do manto; e no mesmo instante lhe parou o fluxo de sangue.” (Lc 8,44).
Como aconteceu esta cura?
 -  Uma multidão seguia Jesus, e muitos esbarraram Nele. E somente a mulher do fluxo de sangue foi curada. Esta mulher tocou em Jesus certa de receber a cura.  A sua motivação foi a fé! Ela acreditava no poder de Jesus para curá-la. Não se deixou intimidar por nenhuma dificuldade. Ela entrou na multidão decidida a se aproximar de Jesus e tocar em suas vestes.