sexta-feira, 27 de maio de 2011

Festival Halleluya espera 900 mil pessoas


Evento teve início em 1997 no Parque do Cocó como uma alternativa ao carnaval fora de época.
 A Comunidade Católica Shalom promove dos dias 20 a 24 de julho a décima quarta edição do Festival Halleluya, no CEU – Condomínio Espiritual Uirapuru. A entrada é franca e a expectativa neste ano é receber um público estimado em 900 mil pessoas durante os cinco dias de evento.
O  Halleluya  teve início em 1997 no Parque do Cocó como uma alternativa ao carnaval fora de época. Foi também o primeiro equipamento  cultural a fazer em grande escala o intercâmbio da música católica entre o nordeste e as demais regiões do país.
 O sucesso crescente do Festival obrigou os organizadores a realizarem o Halleluya em um local amplo. Por isso desde 2001 ele acontece no Condomínio Espiritual Uirapuru local onde será construído o Centro de Eventos Católico. Ano passado o evento acolheu 800 mil pessoas em seus dias de realização.
 Caravanas de todos os bairros de Fortaleza, região metropolitana e interior do estado marcam presença no evento. O Festival também registra a presença de turistas dos diversos estados do país de pessoas de outros países.

Diferentemente do divulgado pelo MEC, o Kit Gay era SIM para crianças de 11 anos.


Jornal  O GLOBO

O kit de material educativo “Escola sem homofobia” que provocou polêmica entre religiosos no Congresso e levou a presidente Dilma Rousseff a vetar sua distribuição tinha como público-alvo não só alunos do ensino médio, como informava o Ministério da Educação. O material também foi preparado para ser apresentado a alunos a partir dos 11 anos de idade que cursam o ensino fundamental do 6º ao 9º ano

A faixa etária está registrada no caderno “Escola sem homofobia”, que orienta como o kit anti-homofobia deveria ser aplicado na sala de aula e apresentado a professores e pais. Fazem parte do kit três vídeos, um DVD e guias de orientação a professores.

Porque falamos TANTO e silenciamos tão POUCO? “Quem só tem certezas não dialoga”.


Eliane Brum, Jornalista da Revista Época.

Uma vez passei dez dias num retiro de meditação para fazer uma reportagem para ÉPOCA.
Havia muitas regras. Uma delas era o silêncio. Por dez dias era proibido falar. Também devíamos evitar olhar para as outras pessoas. O objetivo era silenciar a mente até que não houvesse nenhum ruído também dentro de nós. Foi uma experiência fantástica, que me mudou para sempre. Nunca antes estive tão em mim. E nunca depois voltei a estar.

Deputados evangélicos e católicos protocolam PDL que susta reconhecimento da união gay no Brasil.

Na noite da última quinta-feira um grupo de deputados das bancadas evangélica e católica na Câmara dos Deputados protocolou mais uma ação contra uma das bandeiras gays: reconhecimento da união estável.
Os deputados protocolaram um Projeto de Decreto Legislativo, a PDL 224, que visa suspender a decisão do STF sobre o reconhecimento da união gay no Brasil. O deputado evangélico Roberto de Lucena foi um dos políticos que foram até o presidente da Câmara para apresentar o projeto.
A base do projeto é o fato da Constituição brasileira reconhecer como casamento a união estavel entre homem e mulher apenas, afirmando assim que a decisão do Supremo Tribunal Federal foi inconstitucional, por tanto deve ser suspensa. Ainda não se tem previsão de quando o projeto será movimentado na Câmara.

Igreja tem 117 mil centros de atendimento a irmãos com AIDS em todo o mundo!



O Presidente do Pontifício Conselho para a Pastoral da Saúde, Arcebispo Zygmunt Zimowski, assinalou que a Igreja Católica  serve os doentes de AIDS, com todo tipo de assistência, em 117 000 centros estendidos em todo mundo.
Assim o assinalou o Prelado em entrevista concedida ao jornal vaticano L’Osservatore Romano em vésperas do início do Congresso “A centralidade da atenção da pessoa na prevenção o tratamento da AIDS-HIV” que será realizado na capital italiana entre os dias 27 e 28 de maio.
Este evento, que organiza a fundação O Bom Samaritano, instituída pelo Beato João Paulo II no ano 2004 e que foi confiada ao Pontifício Conselho para a Pastoral da Saúde, busca também responder às perguntas de “muitos bispos que se dirigem ao nosso dicastério para ter uma ajuda constante, com ajuda material mas sobre tudo com informação sobre o último da ciência na luta contra esta doença”.

ESPECIAL: A Virgindade Perpétua de Maria - Parte 4

Tratado de São Jerônimo contra Helvídio


» CAPÍTULO XXI
Eustache Le Sueur.jpgMas como não negamos o que está escrito, assim também rejeitamos o que não está escrito. Acreditamos que Deus nasceu de uma Virgem, porque lemos assim. Não acreditamos que Maria teve união marital depois que deu à luz porque não lemos isso. Nem afirmamos tal para condenar o casamento, porque a virgindade é o fruto do casamento; mas porque quando estamos tratando de santos não devemos julgar apressadamente. Pois se adotássemos a possibilidade como padrão de julgamento, poderíamos sustentar que José teve várias esposas porque Abraão teve, e também Jacó, e que aqueles que eram irmãos do Senhor nasceram daquelas esposas, uma criação imaginária que alguns sustentam com uma temeridade que nasce da audácia e da piedade.
Você diz que Maria não continuou virgem. Eu brado ainda mais que José, ele mesmo, aceitou que Maria era virgem, de modo que de um casamento virgem nasceu um filho virgem. Porque se, como um homem santo, ele não se apresentou com a acusação de fornicação, e está escrito que ele não teve outra esposa, mas foi o guardião de Maria, aquela que foi tida por sua esposa mas não ele por seu marido; a conclusão é que aquele que foi julgado digno de ser chamado pai do Senhor, permaneceu casto.
» CAPÍTULO XXII
E agora que vou fazer uma comparação entre virgindade e casamento, rogo a meus leitores para não suporem que louvando a virgindade, tenho em menor grau o casamento, e discrimino os santos do Antigo Testamento com relação àqueles do Novo, isto é, aqueles que tinham esposas daqueles que se mantiveram livres dos laços de mulheres; antes, penso que de acordo com a diferença de tempo e circunstâncias, uma regra foi aplicada aos primeiros, uma outra a nós, sobre quem sobrevirá o fim do mundo.

O Jesus Histórico

Revista: "PERGUNTE E RESPONDEREMOS"
D. Estevão Bettencourt, osb
Nº 490 - Ano: 2003 - p. 157


por Gerd Theissen e Annette Merz


Em nossos dias muito têm escrito sobre o Jesus Histórico (tal como Ele terá sido na Palestina) repórteres não especializados no assunto: fazendo sensacionalismo, negam quase por completo a imagem clássica de Jesus em favor de outra imagem ou de um Jesus libertino; alguns chegam a dizer que quase nada se pode saber a respeito de Jesus, tal seria a índole lendária dos Evangelhos.
Sobre este pano de fundo vem muito a propósito o livro acima apresentado1.  Deve-se a dois pesquisadores especializados que investigaram a fidelidade histórica dos Evangelhos e a imagem de Jesus aí delineada concluindo em favor da credibilidade dos textos de Mt, Mc, Lc e Jo.  A obra se apresenta em forma de manual, de modo que cada capítulo termina com Sumário, Reflexões e Tarefa a executar

“Libertinagem”: A decadência moral leva inevitavelmente ao colapso social.

A história mostra que o resultado final do hedonismo coletivo não é uma maior liberdade, mas a escravização – ao pecado, ao vício, e por fim aos inimigos exteriores. A decadência moral leva inevitavelmente ao colapso social.
Na edição de abril de Harper’s Bazaar, a autora bissexual Jennifer Baumgardner gaba sua capacidade de amar mulheres e/ou homens. O artigo, “De namorar uma mulher a casar com um homem”, é resumido pelo subtítulo: “porque o gênero não importa.” Em outras palavras, a próxima fronteira em nossas guerras culturais não é simplesmente sobre os gays terem mais direitos: agora já há uma declaração tácita de guerra contra as categorias de gênero.

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Presidente Dilma: “O governo não aceita propaganda de opções sexuais”

Terra
A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quinta-feira que não concorda com o kit anti-homofobia cuja produção e distribuição foram suspensas pelo governo nesta quarta. “O governo defende a educação e também a luta contra práticas homofóbicas. No entanto, não vai ser permitido a nenhum órgão do governo fazer propaganda de opções sexuais. Também não podemos de nenhuma forma interferir na vida privada das pessoas. Agora o governo pode, sim, fazer uma indicação de que é necessário respeitar as diferenças e de que você não pode exercer práticas violentas contra aqueles que são diferentes de você”.

Existe relação entre a coabitação (Viver junto) e violência doméstica? Estudos dizem que sim.


A crescente taxa de violência entre casais nos EUA e na Europa tem sido amplamente creditada à recessão global, mas o problema tem outra dimensão que é frequentemente ignorada: a violência é mais provável entre casais em coabitação do que entre marido e mulher.

Existe alguma diferença entre “Santa Sé” e “Vaticano”?



Emerson Santiago


Em um primeiro momento pode parecer estranho fazer referência à Santa Sé “e” o Estado do Vaticano, pois, para a grande maioria da população, mesmo para muitos dos mais fervorosos fieis católicos, trata-se exatamente da mesma entidade. À luz do Direito Internacionale das relações diplomáticas, porém, o conhecimento de tal duplicidade é fundamental para todo agente que procure estabelecer vínculos com este Estado de concepção bastante diferente de todos os outros.
A soberania espiritual do Papa remonta à criação da hierarquia católica, com o primeiro pontífice supremo, São Pedro, o Apóstolo. Além deste atributo, o chefe supremo da Igreja Católica também exerceu durante séculos o poder temporal, ou seja, possuía atribuições de Chefe de Estado, os poderes comuns atribuídos a um monarca. As dimensões atuais da Cidade do Vaticano diferem bastante daquilo que foi o Estado Papal há séculos, já que este chegou a ocupar boa parte da região central da Itália até fins do século XIX.

terça-feira, 24 de maio de 2011

ESPECIAL: A Virgindade Perpétua de Maria - Parte 3

» CAPÍTULO XVI
Agora aqui temos a explicação do que eu me esforcei por mostrar, como foi que os filhos de Maria, a irmã da mãe de Nosso Senhor, que anteriormente eram tidos por não crentes, e que depois passaram a acreditar, podem ser chamados irmãos do Senhor. Possivelmente, o caso foi que um dos irmãos acreditou imediatamente enquanto os outros não acreditaram senão muito depois, e que uma Maria era a mãe de Tiago e José, chamada "Maria de Cléofas", que é a mesma dita esposa de Alfeu, e a outra, a mãe Tiago o menor. De qualquer modo, se ela (esta última) fosse a mãe do Senhor, São João teria lhe concedido seu sublime título, como em todos os demais lugares, e não teria passado uma impressão errônea, chamando-a mãe de outros filhos. Mas neste ponto não desejo argüir a favor ou contra a suposição de que Maria, a esposa de Cléofas, e Maria, a mãe de Tiago e José, eram mulheres diferentes, uma vez que está claramente entendido que Maria, a mãe de Tiago e José não era a mesma pessoa que a mãe do Senhor.
Como, então - pergunta Helvídio - explica você que eram chamados irmãos do Senhor aqueles que não eram seus irmãos?

Vida de Irmã Dulce e o Milagre que levou a sua Beatificação



1914
26 de maio - Nasce Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes, à rua São José de Baixo, 36, no bairro do Barbalho, na freguesia de Santo Antônio Além do Carmo, cidade de Salvador, Bahia, Brasil. Filha do cirurgião dentista Dr. Augusto Lopes Pontes e D. Dulce Maria de Souza Brito Lopes Pontes.
13 de dezembro - É batizada na igreja de Santo Antônio Além do Carmo.

1921
8 de junho - Morre D. Dulce, sua mãe, aos 26 anos de idade.

1922
Junto com seus irmãos Augusto e Dulce, faz a primeira comunhão, na Igreja de Santo Antônio Além do Carmo.

1927
Manifesta pela 1ª vez o interesse pela vida religiosa. Por esta época já atendia doentes no portão de sua casa, na rua da Independência, 61 - bairro de Nazaré.

1929
Conhece no Convento de Nossa Senhora do Desterro, a Irmã Rosa Schüller que pela 1ª vez lhe falou sobre a Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus.
14 de fevereiro - Foi matriculada na Escola Normal da Bahia, no 1º ano do curso de professora.

1932
20 de agosto - Recebe o sacramento da crisma, das mãos do Arcebispo D. Augusto Álvaro da Silva.
9 de dezembro - Forma-se em professora pela Escola Normal da Bahia (atual ICEIA).

10 comportamentos humanos mais destrutivos

Os seres humanos se envolvem em uma série de comportamentos que são destrutivos . Mentir, enganar, roubar, matar a sí e matar aos outros. A ciência tem prestado muita atenção sobre por que uma espécie inteligente parece tão desagradável, rancorosa, auto-destrutiva e dolorosa. Confira os 10 mais destrutivos comportamentos humanos:

 

1. Mentir

Ninguém sabe ao certo por que os humanos mentem tanto, mas estudos apontam que é comum, e que é muitas vezes ligado a fatores psicológicos profundos. "É ligada com a auto-estima", diz o psicólogo Robert Feldman da Universidade de Massachusetts. "Achamos que, assim que as pessoas sentem que sua auto-estima está ameaçada, eles imediatamente começam a mentir em níveis mais elevados."

Um estudo realizado por Feldman revela que as pessoas mentem com freqüência, 60% das pessoas mentem pelo menos uma vez durante uma conversa de 10 minutos.

O MEC e a educação no Brasil.


Propor como tese que a cobrança do uso da norma culta da linguagem numa sociedade seja um dos itens da cesta básica de instrumentos de dominação de uma classe social sobre outras é absolutamente válido e procedente.
Afinal, dizer “nós pega os peixe” é tão compreensível quanto dizer “nós pegamos os peixes”.
Ninguém é melhor ou pior que ninguém se usar uma forma ou outra – mas quem sabe o certo acha que manda mais que quem não sabe.
Até aí tudo bem. A liberdade de pensamento e de expressão, a academia, as universidades, institutos e similares estão aí para formular, propor, discutir e aclarar esse tipo de questão.
Porém, há outro tipo de organização: a que se responsabiliza pela condução de atividades de interesse público, aplicando recursos públicos dentro das normas existentes.
Pode abrigar pessoas das mais variadas opiniões e pontos de vista. Mas se trata de organismo comprometido com certos parâmetros e princípios que o obriga e aos quais serve.

Você sabe quantas vezes “o mundo já acabou”? Próximo fim: 2012.

Harold Camping, o pastor protestante falhou mais uma vez ao prever o fim do mundo. Mas ele não foi o único a profetizar uma data para este acontecimento. Nos últimos séculos outros “estudiosos” previram o fim e também falharam.
A revista americana “Times” noticiou que uma das profecias mais conhecidas sobre o apocalipse que também fracassou foi a de William Miller. Em 1840, ele começou a dizer que o mundo ia acabar e Cristo voltaria, prevendo um grande incêndio entre 21 de março de 1843 e 21 de março de 1844. Mesmo mudando a data para outubro, o fim nunca chegou. Os seguidores de Miller formaram a Igreja Adventista do Sétimo Dia.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

A Virgindade Perpétua de Maria - Parte 2

CAPÍTULO VII 

A Palavra de Deus diz em Gênesis: "Entregaram a Jacó todos os deuses estranhos que tinham em suas mãos, e as argolas que penduravam em suas orelhas; e Jacó os escondeu debaixo do carvalho que está junto a Siquém , e continuam perdidos até o dia de hoje". Igualmente lemos no final do Deuteronômio: "Assim, Moisés, servo do Senhor, morreu ali na terra de Moab, conforme a palavra do Senhor. E foi sepultado no vale, na terra de Moab, defronte de Beth-Peor; até o dia de hoje ninguém sabe o lugar da sua sepultura". Certamente devemos identificar a expressão "até o dia de hoje" com o tempo da composição da história, podendo vocês preferirem o ponto de vista que afirma que Moisés foi o autor do Pentateuco ou que Esdras o reeditou. Não faço qualquer objeção em ambos os casos. A questão agora é saber se as palavras "até o dia de hoje" se referem à época da publicação ou composição desses livros e, caso o sejam, por que [Helvídio] não mostra - agora que muitos e muitos anos se passaram desde aquele dia - que os ídolos escondidos sob o carvalho ou a sepultura de Moisés foram descobertos, já que ele sustenta, com demasiada teimosia, que certa coisa não pode ocorrer dentro de um espaço de tempo delimitado pela expressão "até que" mas, para que venha a ocorrer, é necessário que atinja aquele ponto delimitado por "até que"?

Sedução Evangélica – Rede Globo fará em dezembro “Festival da Música Evangélica”

 

 
Sedução Evangélica – Rede Globo fará em dezembro “Festival da Música Evangélica”diante do trono 150x150 Sedução Evangélica   Rede Globo fará em dezembro Festival da Música EvangélicaTendo como óbvio pano de fundo a disputa com a Record, a Globo vai tentar melhorar sua presença entre os evangélicos. Amauri Soares, diretor de eventos e projetos especiais, bolou um festival de música evangélica, o Promessa. Nele se apresentarão campeões de vendagem como a banda Diante do Trono. Será em dezembro, no Rio de Janeiro, com transmissão da Globo e produção da Geo, empresa de eventos da emissora.

O mundo não acabou! A repercussão da profecia e a reação dos seguidores que acreditaram nela

O líder grupo evangélico, Pastor Harold Camping (foto), se baseou em uma teoria numérica na Bíblia – basicamente de que Jesus voltaria 7 mil anos depois de ter salvo Noé do dilúvio – para afirmar qual seria o dia exato do fim: o Apocalipse aconteceria devido a um terremoto mundial às 18 horas de cada país. Não foi a primeira vez que o Pastor Harold Camping, 89 anos, errou uma previsão apocalíptica, parece que em 94 também não calculou bem o último dia da Terra.

Estátua do Beato João Paulo II em Roma continua gerando perplexidade pela feiúra.

Cinco metros de altura em puro bronze: essa é a primeira estátua de João Paulo II inaugurada oficialmente após a sua beatificação em Roma. A obra do escultor Oliviero Rainaldi foi doada à cidade italiana por uma fundação e exibida à população no dia do nascimento do falecido papa. Mas o que chama a atenção não é a sua dimensão ou a sua imponência: e sim a sua feiúra, que levou alguns críticos a afirmarem que a imagem, por se assemelhar mais a Mussolini do que a Wojtyla, desperta a lembrança de um pecador e não de um futuro santo.
O jornal L’Osservatore Romano criticou duramente a estátua.
Por sua vez, o prefeito de Roma, segundo o jornal La Repubblica, 21-05-2011, levanta a hipótese de rever o projeto.
Fonte: Panorama.it, 22-05-2011

Depois da ‘Bem-aventura Dulce dos pobres’ veja a “fila” dos novos beatos brasileiros.


Clique na imagem para Ampliar
Após a beatificação de Irmã Dulce, na noite deste domingo (22), em Salvador, outros três beatos nascidos no Brasil estão na fila para se tornar santos. Um quarto beato que viveu no país, mas que nasceu na Espanha, também está na lista do Vaticano e o processo de canonização está diretamente relacionado ao de um brasileiro nato. Os dois foram assassinados por causa de suas crenças religiosas no dia 21 de maio de 1924, em Frederico Westphalen (RS).
Padre e coroinha assassinados
Em outubro de 2007 foi realizada a missa de beatificação do padre espanhol Emanuele Gómez González, que viveu em Frederico Westphalen (RS). Ele visitava as comunidades do Alto Uruguai acompanhado do coroinha brasileiro Adílio Daronch. Há indícios de que as mortes de Adílio e do padre Emanuele podem estar relacionadas a problemas fundiários.

Existe diferença entre o “pecado” Católico e o “pecado” Protestante?

Jean Mercier, Revista  La Vie.França
O caso DSK  Dominique Strauss Kahn diretor gerente do FMI revela um choque de culturas. O catolicismo e o protestantismo não têm a mesma maneira de gerir a culpa e o pecado. Questões de teologia e história…
Desde o pecado original, a humanidade “manca”, especialmente no registro da sexualidade. A Igreja católica aceita isso como uma realidade indiscutível que se trata de curar e acredita especialmente no poder dos sacramentos. Ela afirma ainda sua competência para “gerir” o melhor possível os erros e a culpabilidade, especialmente através do sacramento da Penitência, pelo qual o sacerdote pronuncia o perdão de Deus ao penitente dando-lhe a absolvição, após a confissão sincera dos pecados e a promessa de não mais repeti-los.

A Holanda e a “nova” tendência religiosa: a religião sem crença.

Argumenta o estudioso holandês Koert van der Velde .
“Para muitas pessoas a religião tradicional foi desmascarada pela ciência”, afirma Koert van der Velde. “Muitas vezes, porém, vê-se que essas mesmas pessoas continuam a praticar a religião de uma forma ou outra, tais como na astrologia, na terapia de vidas passadas, nos treinamentos espirituais no mundo dos negócios, ou simplesmente cantando a ‘Paixão Segundo São Mateus’. Quando questionados, no entanto, os que exercem essas práticas negam acreditar nas subjacentes premissas religiosas.”
Como jornalista especializado em temas teológicos, Van der Velde contou a centenas de pessoas sobre suas experiências religiosas. Alguns disseram sentir uma presença divina por trás das coincidências em sua vida, outros tiveram uma experiência de quase-morte, viram aparições fantasmagóricas, ou UFOs, ou ainda se sentem ‘unidos com a natureza’ ao entardecer. A riqueza de dados recolhidos por ele o convenceu de que havia descoberto um novo fenômeno ainda não estudado.

domingo, 22 de maio de 2011

A Virgindade Perpétua de Maria - Parte 1

Tratado de São Jerônimo contra Helvídio

Este tratado surgiu por volta do ano 383 dC, quando Jerônimo e Helvídio se encontravam em Roma, no tempo do papa Dâmaso. As únicas informações contemporâneas que se conservam de Helvídio são estas, fornecidas por Jerônimo.
A questão que trouxe este tratado à luz foi: teria a Mãe de Nosso Senhor permanecido virgem após o nascimento de seu Filho? Helvídio afirmava que os Evangelhos mencionando os "irmãos" e "irmãs" do Senhor provavam que Maria teria tido outros filhos, baseando sua opinião nos escritos de Tertuliano e Vitorino.
A conclusão deste ponto de vista é que a virgindade se situa numa posição inferior ao casamento. Jerônimo defende o outro lado, mantendo três proposições contra Helvídio:
José era o suposto marido de Maria, mas não o era de fato;
Os "irmãos" do Senhor eram seus primos (parentes), não irmãos de verdade; e
A virgindade é superior ao estado de casado.
A primeira proposição ocupa os capítulos 3 a 8. Baseia-se no registro de Mt 1,18-25, especialmente nas palavras: "antes que coabitassem" (cap. 4) e "não a conheceu até que" (caps. 5-8).
A segunda, gira em torno da expressão: "filho primogênito" (caps. 9-10), que Jerônimo afirma ser aplicável não apenas ao primeiro de uma série de vários filhos, mas também ao filho único. Quanto à menção dos irmãos e irmãs de Jesus, Jerônimo garante serem filhos de outra Maria, esposa de Cléofas ou Clopas (caps. 11-16); para fundamentar sua posição, cita diversos escritores da Igreja (cap. 17).

VAMOS PRO HALLELUYA ?

Solte a sua voz 

 BLOG RENASCER: COMO JÁ É DE COSTUME  JÁ ESTAMOS NOS PREPARANDO PARA ESTE MARAVILHOSO EVENTO, VAMOS JUNTOS NA   NOSSA CARAVANA,  DIA 23 DE JULHO DE 2011 PARA PARTICIPAR DESTE EVENTO . VOCÊ JÁ PODE PEGAR  O SEU CARNÊ  COM NOSSO IRMÃO GESSIVANDRO.  CONFIRME SUA PRESENÇA!!!

O Halleluya é o maior festival  de artes integradas do Brasil. Teve início em Fortaleza-CE, em 1997 e se expandiu para outras cidades, como: Natal-RN, São Luís-MA, Salvador-BA, Aracaju-SE e também em outros países: Israel, França, Inglaterra pela Comunidade Católica Shalom.
Em 1995 o Projeto JuShow de Adriana no Halleluya 2010ventude, setor juventude da Comunidade Shalom realizava uma festa de três dias  para os jovens com o nome trifest. Em 1997 uma idéia ousada transformou o evento de pequeno porte num evento arrojado e ousado. Nascia o Halleluya que durante seus primeiros oito anos  aconteceu  no Parque do Cocó.

Bento XVI recorda Irmã Dulce, a "mãe dos desamparados"

Kelen Galvan
Da Redação, com Boletim da Santa Sé


Irmã Dulce Lopes Pontes deixou atrás de si ''um prodigioso rastro de caridade ao serviço dos últimos'', afirmou Bento XVI
Após a oração do Regina Coeli, deste domingo, 22, o Papa Bento XVI dirigiu uma saudação aos fiéis de língua portuguesa e recordou a beatificação da Irmã Dulce Lopes Pontes que se realiza hoje, em Salvador (BA).

“Ao saudar os peregrinos de língua portuguesa, desejo também unir-me à alegria dos Pastores e fiéis reunidos em São Salvador da Bahia para a beatificação da Irmã Dulce Lopes Pontes, que deixou atrás de si um prodigioso rastro de caridade ao serviço dos últimos, levando o Brasil inteiro a ver nela 'a mãe dos desamparados'", destacou.

Aquilo que seu coração busca direciona o olhar


Padre Fabrício
Foto: Maria Andréa/cancaonova.com
Nossa jornada começa com o tema “Um olhar que cura”. Na Canção Nova a Palavra de Deus rege todas as coisas.

No Evangelho Jesus dá um conselho aos seus discípulos e agora a mim e a você “Não se perturbe o vosso coração” (Jo 14,1). Perturbar é sinônimo de importunar, Jesus dizia para eles não deixarem que ninguém abale os seus corações. Não deixe que nada retire a paz do seu coração. Jesus estava preparando seus discípulos para enfrentarem a vida, Ele poderia ter alertado de tantas coisas, mas os alertou de uma pertubação no coração.

Um coração perturbado não enxerga a verdade por inteiro. Quem traz um coração angustiado não consegue enxergar a verdade que está debaixo do seu nariz. Todos aqueles que tem o coração perturbado tem um olhar doente, que não enxerga a verdade. Por isso Jesus preparava aquele povo.

Milhares de evangélicos protestam contra “kit gay” e PL 122, em Curitiba.

Folha de São Paulo

Organizada por cerca de 600 igrejas evangélicas, a Marcha para Jesus reuniu aproximadamente 50 mil pessoas neste sábado (21) em Curitiba.
Fiéis na Marcha para Jesus, que reuniu cerca de 50 mil pessoas neste sábado em Curitiba (PR)A multidão percorreu ruas do centro da cidade e se concentrou numa praça do bairro Centro Cívico, onde há shows programados até as 18h de hoje.
Além de confraternizar, os participantes do evento aproveitaram a oportunidade para defender bandeiras evangélicas, protestando contra a legalização da maconha e a distribuição de um kit anti-homofobia (chamado pelos evangélicos de “kit gay”) pelo governo federal.





Os manifestantes também realizaram abaixo-assinado contra o kit e o projeto de lei que criminaliza a homofobia.

O mundo não acabou!! Será? Depois dessa notícia talvez mude de idéia.


O presidente da Academia Pontifícia para a Vida confessou sua consternação ao receber a notícia da decisão do parlamento britânico de permitir a criação de embriões híbridos de homens e animais.
Os deputados britânicos aprovaram a utilização de embriões híbridos, criados mediante a introdução do DNA humano em óvulos de animais. Estas operações deveriam promover o desenvolvimento da medicina, segundo a proposta.
A medida foi tomada quando a Câmara dos Comuns rejeitou por 336 votos a 176 uma emenda que pretendia proibir a criação de embriões híbridos.
A proposta, segundo o prelado, é particularmente grave do ponto de vista ético, pois «antes de tudo se une através da clonagem o núcleo humano que fecunda o óvulo animal. Esta união busca uma fecundação utilizando o elemento masculino, que é o núcleo, e o elemento feminino, que é o óvulo, um do homem e outro do animal».

MEC não vai alterar conteúdo de kit contra homofobia.E nossos filhos, como ficam?


O ministro Fernando Haddad negou que o Ministério da Educação (MEC) tenha decidido alterar o conteúdo do kit de combate à homofobia que será distribuído às escolas públicas de ensino médio. Dia 18 ele se encontrou com parlamentares da bancada evangélica que são contra o material e assegurou que os deputados poderão manifestar sua opinião à comissão de publicação de materiais do ministério, mas que as sugestões poderão ou não ser acatadas.

“O material encomendado pelo MEC visa a combater a violência contra homossexuais nas escolas públicas do país. A violência contra esse público é muito grande e a educação é um direito de todos os brasileiros, independentemente de cor, crença religiosa ou orientação sexual. Os estabelecimentos públicos têm que estar preparados para receber essas pessoas e apoiá-las no seu desenvolvimento”, defendeu Haddad durante o programa de rádio Bom Dia, Ministro, produzido pela EBC Serviços em parceria com a Secretaria de Comunicação Social da Presidência.
 

©2012 Grupo Renascer | Template Grupo Grupo Renascer by